ESTRATÉGIAS DE ESTOQUES

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
ESTRATÉGIAS DE ESTOQUES por Mind Map: ESTRATÉGIAS DE ESTOQUES

1. CONTROLE

1.1. INVENTÁRIO

1.2. ENTRADA E SAÍDA DE MERCADORIA

1.3. LUCRO LIQUÍDO OBTIDO

1.4. DEMANDA DO MERCADO

1.5. COMUNICAÇÃO EFETIVA

1.6. INFORMAÇÕES

2. GESTÃO

2.1. DESPERDICÍOS

2.2. FORNECEDORES

2.3. COMPRAS

2.4. INVENTÁRIO

3. CURVA ABC

3.1. ANÁLISE DE PARETO

3.2. REGRA 80/20

3.3. CLASSE A - MAIOR IMPORTÂNCIA, VALOR OU QUANTIDADE, CONRESPONDENDO A 20% DO TOTAL

3.4. CLASSE B - IMPORTÂNCIA, QUANTIDADE OU VALOR INTERMEDIÁRIO, CONRESPONDENDO A 30% DO TOTAL

3.5. CLASSE C - MENOR IMPORTÂNCIA, VALOR OU QUANTIDADE, CONRESPONDENDO A 50% DO TOTAL

3.6. ESTOQUE DE SEGURANÇA

3.7. MÉTODO DE ESTRATÉGIA PERANTE A CONCORRENCIA

4. CUSTO

4.1. FALTA DE PRODUTO

4.1.1. RUPTURA

4.1.2. DEMANDA NÃO ATENDITA

4.2. PERDA DE PRODUTO

4.2.1. OBSOLÊNCIA

4.2.2. VENCIMENTO

4.3. OPORTUNIDADE

4.3.1. MANTER CAPITAL

4.3.2. INVESTUMENTO

5. ARMAZENAGEM

5.1. ESTOCAGEM

5.2. DISTRIBUIÇÃO

5.3. EXPEDIÇÃO

5.4. COMPRAS

5.5. ESPAÇO FISÍCO

5.5.1. CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO CD

5.5.2. DEPÓSITO

5.6. MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

6. PLANEJAMENTO

6.1. DEMANDA

6.2. NÍVEL DE SERVIÇO

6.3. QUANTO PEDIR? --- VOLUME DE RERESSUPRIMENTO

6.4. QUANTO PEDIR? --- MOMENTO DE REABESTCIMENTO

6.5. COMO CONTROLAR O SISTEMA --- ROTINAS; PRIORIDADES; GERENCIAMENTO DAS INFORMAÇÕES

6.6. DECISÕES DE RESSUPRIMENTO --- CUSTO E PERFIS DE ESTOQUE; LOTE ECONÔMICO

6.7. MEDIR O ESTOQUE --- VALOR TOTAL DO ESTOQUE, COBERTURA DE ESTOQUES-ESTOQUE MÉDIO E GIRO DO ESTOQUE

6.8. SISTEMA DE INFORMAÇÕES DO ESTOQUE - ATUALIZAR REGISTROS, GERAR PEDIDOS, GERAR REGISTRO DE ESTOQUE

7. PARÂMETROS

7.1. CLASSIFICAÇÃO A, B, C

7.2. ESTOQUE MÉDIO

7.3. DEMANDA MÉDIA

7.4. GIRO DE ESTOQUE

7.5. COBERTURA DE ESTOQUE

7.6. PONTO DE PEDIDO

7.7. INTERVALO DE RESSUPRIMENTO

7.8. ESTOQUE MÁXIMO

7.9. ESTOQUE MINÍMO

7.10. ESTOQUE VIRTUAL

7.11. CUSTO DE ENCARREGAMENTO

7.12. CUSTO DO PEDIDO

8. LOGÍSTICA

8.1. REDUÇÃO DO CUSTO

8.2. TEMPO DE REPOSIÇÃO DOS PRODUTOS POR FORNECEDORES

8.3. TRANSPORTE DO PEDIDO

8.4. OTIMIZAÇÃO NA DEMANDA DOS FUNCIONÁRIOS

8.5. EVITAR ERROS

9. PALAVRAS CHAVES

9.1. EFICIÊNCIA

9.2. EFICÁCIA

9.3. ATENDIMENTO

9.4. QUALIDADE

9.5. SATISFAÇÃO DO CLIENTE

10. FERRAMENTAS

10.1. ERP

10.1.1. INTEGRAR TODOS OS SETORES E OTIMIZAR O FLUXO DE INFORMAÇÕES

10.2. SRM

10.2.1. ESTRATÉGIA PARA OTIMIZAR O RELACIONAMENTO DA EMPRESA COM SEUS FORNECEDORES

10.3. JUST IN TIME

10.3.1. MÉTODO QUE AJUDE A REDUZIR OS NÍVEIS, MANTENDO APENAS A MENOR QUANTIDADE POSSÍVEL

10.4. PEPS

10.4.1. O PRIMEIRO QUE ENTRA É O PRIMEIRO QUE SAI

10.5. UEPS

10.5.1. O ÚLTIMO A ENTRAR É O PRIMEIRO A SAIR

10.6. CICLO PDCA

10.6.1. COONSISTE EM ANALISAR DETERMINADO PROCESSO E APLICAR AS FASES

10.6.2. FASES

10.6.2.1. PLANEJAR

10.6.2.2. FAZER

10.6.2.3. CHECAR

10.6.2.4. AGIR OU AJUSTAR

10.7. KANBAN

10.7.1. SINALIZAÇÕES VISUAIS PARA OTIMIZAR OS FLUXOS DE TRABALHO E GARANTIR MAIOR PROUTIVIDADE DAS EQUIPES

10.8. CÓDIGO DE BARRAS