Análise de Salmonella

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Análise de Salmonella by Mind Map: Análise de Salmonella

1. 1. Inocular os meios de Rappaport v. e Tetrationato através de estriamento.

1.1. 4º Plaqueamento seletivo e diferencial

2. 2. Fazer a limpeza da bancada com álcool 70%

3. 3. Organizar o material que será utilizado

4. 1. Fazer a higiene pessoal e vestir-se adequadamente

4.1. 1º Ao chegar no laboratório

5. 1. Pesar 25g da amostra e colocar em 225ml água peptonada tamponada ou caldo lactosado;

5.1. 2º Pré-enriquecimento

6. 2. Incubar a amostra em condições não seletivas, 35o por 24h;

7. 1. Usar dois meios seletivos diferentes: Rappaport Vassiliadis e caldo Tetrationato

7.1. 3º Enriquecimento seletivo

8. 2. Pegar 0,1ml de cultura do pré-enriquecimento e adicionar em cada um deles.

9. Crescimento de colônias amarelo-esverdeadas rodeadas por zona amarelada (fermenta lactose e sacarose, baixa o ph e muda a coloração) = lactose ou sacarose positivas: E. coli, Citrobacter, Proteus vulgaris, Klebsiella e outras.

10. ÁGAR XLD (com extrato de levedura e NaCl): as colônias de salmonella produzem ácido sulfírico e ficam escuras (pretas).

10.1. 6º Observar aparência das colônias - ÁGAR XLD

11. 1. Escolher cinco colônias típicas, bem isoladas e passar para ágar BHI e incubar a 35o por 24h.

11.1. 7º Isolamento

12. 2. - Incubar as placas 35-36 graus por 24h.

13. 3. Utilizar Agar BPLS ou XLD (ou outros) nas placas.

14. ÁGAR BPLS: as colônias de Salmonella são rosas, rodeadas por uma zona vermelha = lactose e sacarose negativo (não fermenta lactose nem sacarose): Salmonella.

14.1. 5º Observar aparência das colônias - ÁGAR BPLS

15. Testes bioquímicos para confirmação de Salmonella 1- Triagem bioquímica: TSI, LIA e UREIA 2- Testes bioquímicos: Indol, VMVP, Citrato, Motilidade, Malonato e Dulcitol.

15.1. 8º Testes bioquímicos

16. 3. Incubar o tetrationato a 37 graus por 24h e o Rappaport vassiliadis a 41,5 graus por 24h.

17. 1. Prova de soroaglutinação: colocar água destilada estéril em placa de Petri com um pouco da cultura do BHI e fazer espalhamento.

17.1. 9º Teste sorológico

18. 2. Pingar o soro, mexer delicadamente e observar a formação de grumos. Se houver formação de grumos, confirma-se presença de Salmonella spp. e o lote deve ser DESCARTADO.