Criatividade e Dependencia na Civilização Industrial

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
Criatividade e Dependencia na Civilização Industrial by Mind Map: Criatividade e Dependencia na Civilização Industrial

1. Poder e espaço numa economia que se globaliza

1.1. 2x probs do crescimento dos Anos Dourados

1.1.1. Concertação da Economia Intnl

1.1.1.1. Legitimidade

1.1.1.1.1. Países que mais se apropriam dos excedentes gerados pelas transações intls

1.1.1.2. Governança

1.1.1.3. Eficiência

1.1.2. Concertação da Ecn Nacional

1.1.2.1. Vulnerabilidade a choques externos

1.2. Contexto Macrosocial

1.2.1. Sistema Economico

1.3. Sistema Ecn

1.3.1. O Poder Economico assim como o político faz imposições a sociedade

1.3.1.1. DISTRIBUIÇÃO Se por um lado houve grande concentração de poder economico houve tbm melhor organização social das massas assalariadas.

1.3.1.1.1. Suécia onde lado de de gigantescas empresas que comandam os setores mais dinamicos da vida economica perfilam-se poderosas organizações sociais com ponderáveis projeções políticas.

1.3.1.2. ACUMULAÇÃO Apesar da ampla diversificação da participação do Estado no contexto macrosocial a grande empresa é um rentseeker safado

1.3.1.2.1. A grande empresa pode administrar preços, conformar preferências

1.3.2. Racionalidade Macroecn

1.3.2.1. é a percepção ex-post da coerência obtida mediante o esforço cordenador desse centro economico (profecia autorealizável)

1.3.2.1.1. Imperfeições de Mercado são justificativas ex-post para apropriação injusta de excedente.

1.3.2.2. Irrational exuberance

1.3.3. Formular a Pol Ecn

1.3.3.1. Emergência dos Modernos Estados Nacionais

1.3.3.2. Interdependencia crescente das áreas geográficas de um país e do aprofundamento da divisão social do trabalho.

1.3.4. Sistema Ecn Intl

1.3.4.1. Sob o ponto de vista da gde empresa a racionalidade para o meio intl é a mesma do nacional.

1.3.4.2. No entanto, a empresa não apenas representa seus interesses, mas os interesses do seu sistema economico geografico.

1.3.4.2.1. Subsidios para X

1.3.4.2.2. Barreiras a M

1.3.4.3. Empresas podem barganhar posturas não constritivas do governos.

1.3.4.3.1. Livre mobrilidade de K,G sem movimentação de trabalho L

1.3.4.3.2. Apropriação Crescente dos Ganhos de PDVD para impedir que ocorra:

1.3.4.4. Conexão Sul-Sul contexto 1970s

1.3.4.4.1. As coalisões entre Estados - visando organizar a oferta de certos produtos agrícolas, ou de um recurso não-renovável, a disputar acesso a uma tecnologia, a solucionar um problema financeiro, ou mesmo a disputar o controle de um centro de decisões de âmbito internacional - estão emergindo sob as mais diversas formas, inspiradas todas pelo propósito de gerar poder e assim modificar a relação de forças face as empresas e aos poderosos estados em que essas se apoiam

1.3.4.4.2. Resposta ao Sistema Global de forças das empresas Transnacionais

2. Emergência e Difusão da Civilização Industrial

2.1. Penetração das novas forças sociais que o excedente em expansão estava reforçando