Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Simulado por Mind Map: Simulado

1. Crise financeira

2. Igual

2.1. Oligolécito

3. Formado por vasos liberianos e tubos crivados, que levam a seiva elaborada das folhas para o resto da planta

4. Fases da Revolução

4.1. Monarquia Constitucional

4.1.1. Separação entre os poderes Legislativo, Judiciário e Executivo

4.1.2. Todos os cidadãos possuem direitos

4.1.3. Invasões estrangeiras

4.1.4. Luís XVI é preso, condenado e executado

4.2. Reforma Tributária

4.3. Convocação da Assembléia dos Estados Gerais

4.3.1. "Tributação sobre o 1º e o 2º Estados?

4.4. Crescimento de impostos

4.5. O Executivo foi dividido nas mãos de cinco "diretores", eleitos com mandatos de um ano

4.6. República da Convenção

4.6.1. Proclamação da República

4.6.1.1. 1792

4.6.2. Divisão em Grupos Políticos

4.6.2.1. Girondinos

4.6.2.1.1. Direita

4.6.2.1.2. Minoria nas sessões da Assembléia

4.6.2.1.3. Alta burguesia

4.6.2.2. Jacobinos

4.6.2.2.1. Esquerda

4.6.2.2.2. Baixa burguesia

4.6.3. Ditadura Jacobina

4.6.3.1. Período do Terror

4.6.3.2. Radicalismo

4.6.3.2.1. Vários ex-nobres foram decapitados

4.6.3.2.2. Líderes do movimento foram decapitados

4.6.3.3. Queda

4.6.3.3.1. 9 Termidor

4.7. Diretório

4.7.1. Território francês volta a ser atacado

4.7.2. Crise econômica

4.7.2.1. Necessidade de um líder carismático

4.7.2.1.1. General Napoleão Bonaparte

4.7.2.1.2. Golpe do 18 Brumário

5. Secretam substâncias como cafeína, morfina ou substâncias venenosas para a proteção da planta

6. Surge a mórula, que se diferencia e dá origem a blástula, que possui uma cavidade, a blastocele e a uma camada de células, a blastoderme

7. Heterolécito/Telolécito incompleto

7.1. Quantidade média de vitelo

7.2. Vitelo distribuído de maneira desigual

7.3. Presente em anfíbios, moluscos, anelídeos e alguns peixes

8. Medida angular entre a Linha do Equador e qualquer outro ponto no globo terrestre

9. Somente entrariam em portos ingleses, navios ingleses ou de países aliados

10. Suas células apresentam grande quantidade de cloroplastos

11. Tecidos que atuam no preenchimento e constituem a massa principal da estrutura vegetal

11.1. Encontrados principalmente no caule, raízes e no interior das folhas

12. Hidatódios

12.1. Estômatos aquíferos que atuam na gutação folial, que diminuem a concentração de água nas folhas

13. Emprego de figuras de linguagem

13.1. Antítese

13.2. Paradoxo

13.3. Oxímoros

14. Barroco

14.1. Movimento literário que se iniciou com a Contrarreforma religiosa

14.1.1. O número final de átomos não desintegrados é a divisão da quantidade inicial de átomos por dois, elevado ao número de meias-vidas

14.2. O homem do Barroco oscilava entre o teocentrismo e o antropocentrismo renascentista

14.3. Características

14.3.1. Morte ou vida

14.3.2. Dualismo

14.3.2.1. Efêmero ou eterno

14.3.2.2. Céu ou terra

14.3.3. Riqueza de detalhes

14.3.4. Conceptismo

14.3.4.1. Valoriza-se o conceito, a ideia, a racionalidade de um método de raciocínios lógicos

14.3.5. Cultismo

14.3.5.1. Valoriza-se o culto ao dualismo, com a razão deixada em segundo plano

15. Formação agulhada

16. Superficial

16.1. Centrolécito

17. Megalécito/Telolécito completo

17.1. Grande quantidade de vitelo

17.2. Vitelo em maior quantidade no polo vegetativo

17.3. Presente em répteis, ornitorrinco, aves, equidna e peixes

18. Pontos Colaterais

18.1. Nordeste, Sudeste, Sudoeste e Noroeste

19. Constituído por células vivas, que sofrem espessamento e reforço de celulose

20. História

20.1. Civilização Grega

20.1.1. Ocupação da Península Balcânica

20.1.1.1. Dificuldades Geográficas

20.1.1.1.1. Litoral Recortado

20.1.1.1.2. Poucas Terras Férteis

20.1.1.1.3. Território Montanhoso e Pedregoso

20.1.1.2. Necessidade

20.1.1.2.1. Navegação

20.1.1.2.2. Comércio

20.1.2. Mais de 100 Pólis

20.1.2.1. Principais

20.1.2.1.1. Atenas

20.1.2.1.2. Formação de um Exército Profissional

20.1.2.1.3. Todo cidadão possui poder e representatividade política

20.1.2.1.4. Esparta

20.1.2.1.5. Persas atacaram a Península da Ática, foram derrotados na Batalha de Maratona

20.1.3. Guerras

20.1.3.1. Externas

20.1.3.1.1. Guerras Médicas

20.1.3.2. Internas

20.1.3.2.1. Esparta

20.1.3.2.2. Guerra do Peloponeso

20.2. Revolução Inglesa

20.2.1. Monarquia Absolutista

20.2.1.1. Dinastia Tudor

20.2.1.1.1. Henrique I

20.2.1.1.2. Elizabeth

20.2.1.2. Dinastia Stuart

20.2.1.2.1. Jaime I

20.2.1.2.2. Carlos I

20.2.2. Revolução

20.2.2.1. Guerra Civil

20.2.2.1.1. Realistas

20.2.2.1.2. Parlamentaristas

20.2.2.2. República Puritana

20.2.2.2.1. Oliver Cromwell

20.2.2.2.2. Conquista da Irlanda e da Escócia

20.2.2.2.3. Criação do "Ato de Navegação"

20.2.2.3. Restauração

20.2.2.3.1. Morte de Oliver Cromwell

20.2.2.3.2. Reinstauração do Absolutismo na Inglaterra

20.2.2.4. Revolução Gloriosa

20.2.2.4.1. Morte de Carlos II

20.2.2.4.2. Criação de uma Monarquia Parlamentarista

20.3. Revolução Francesa

20.3.1. Contexto

20.3.1.1. Grande desigualdade social

20.3.1.1.1. 1º, 2º e 3º Estados

20.3.1.2. Tomada da Bastilha pelo povo

20.3.1.2.1. Estopim para a Revolução

21. Biologia

21.1. Sistema vascular

21.1.1. Xilema

21.1.1.1. Formado por elementos do vaso e traqueídes, que levam a seiva bruta da raiz para as folhas

21.1.2. Floema

21.2. Tecidos Vegetais

21.2.1. Parênquimas

21.2.1.1. Parênquima clorofiliano

21.2.1.1.1. Lacunoso

21.2.1.1.2. Paliçádico

21.2.1.2. Aquífero

21.2.1.2.1. Formação estrelada

21.2.1.2.2. Armazenam água em plantas xerófitas (cactos)

21.2.1.3. Parênquima de reserva

21.2.1.3.1. Amilífero

21.2.1.3.2. Aerífero

21.2.1.4. Armazenam amido, que mantém a energia interna da planta

21.2.2. Tecido de sustentação de órgãos jovens em crescimento

21.2.3. Tecidos de sustentação

21.2.3.1. Colênquima

21.2.3.1.1. Oferecem sustento, sem perda de flexibilidade

21.2.3.2. Esclerênquima

21.2.3.2.1. Oferecem sustento e resistência, causando o endurecimento das plantas

21.2.4. Estruturas de secreção

21.2.4.1. Células excretoras

21.2.4.1.1. Secretam néctar, para atrair polinizadores para as flores de angiospermas

21.2.4.1.2. Drusas

21.2.4.2. Bolsas

21.2.4.3. Vasos laticíferos

21.2.4.3.1. Vitelo distribuído de maneira igual pelos polos

21.2.4.4. Vasos resiníferos

21.2.4.5. Nectários

21.2.4.5.1. Pouco vitelo

21.3. Embriologia

21.3.1. Formação de um zigoto/embião

21.3.1.1. Junção entre um gameta masculino e um feminino

21.3.2. Núcleo é a região onde se localiza o DNA com os genes responsáveis pela formação do futuro indivíduo

21.3.3. Ovócito

21.3.3.1. Liberam a resina. uma substância desinfectante, para a limpeza de cortes em plantas, geralmente gimnospermas

21.3.3.2. Contém significativa quantidade de material nutritivo, chamado vitelo

21.3.3.3. O zigoto, logo depois de ser formado, começa a se segmentar, por mitoses. Cada célula formada tem nome de blastômero

21.3.4. Atuam na liberação de látex, por meio de dutos ramificados

21.3.5. Classificação dos ovócitos

21.3.5.1. Oligolécito

21.3.5.1.1. Presente em mamíferos, equinodermos, anfioxos, cnidários e poríferos

21.3.6. Segmentação ou Clivagem

21.3.7. Tipos de segmentação

21.3.7.1. Meroblástica

21.3.7.1.1. Discoidal

21.3.7.2. Holoblástica

21.3.7.2.1. Desigual

22. Química

22.1. Distribuição Eletrônica de Íons

22.1.1. Distribuição eletrônica

22.1.1.1. 1s,2s,2p,3s,3p,4s,3d,4p,5s,4d,5p,6s,4f,5d,6p,7s,5f,6d,7p

22.1.1.2. Camada aguenta

22.1.1.2.1. S=2 elétrons

22.1.1.2.2. P=6 elétrons

22.1.1.2.3. D=10 elétrons

22.1.1.2.4. F=14 elétrons

22.1.2. Em Íons

22.1.2.1. n-propil

22.1.2.1.1. Radical ligado à um propano linear

22.1.2.2. Cátions

22.1.2.3. Adiciona-se um elétrons da camada de valência do átomo

22.1.2.3.1. Exemplo

22.1.2.4. Retira-se um elétron da camada de valência do átomo

22.1.2.4.1. Exemplo

22.1.2.4.2. Isobutil

22.1.2.5. Ânion

22.2. Radicais Livres

22.2.1. Radical ligado à um metano

22.2.2. Alquilas

22.2.2.1. Metil

22.2.2.2. Etil

22.2.2.2.1. Radical ligado à um etano

22.2.2.3. Propil

22.2.2.3.1. Isopropil

22.2.2.4. Butil

22.2.2.4.1. n-butil

22.2.2.4.2. sec-butil

22.2.2.4.3. terc-butil

22.2.2.5. Benzil

22.2.3. Alcenila

22.2.4. Arila

22.2.4.1. Fugir da cidade

22.2.4.2. Fenil

22.2.4.2.1. Radical ligado à um Benzeno ligado à um carbono secundário

22.3. Etenil ou vinil

22.3.1. A meia-vida é o período necessário para desintegrar a metade dos átomos radioativos de uma amostra

22.3.2. Radical ligado à um Benzeno

22.4. Tonoscopia

22.4.1. A presença, em solução, de um soluto não volátil, faz com que a pressão de vapor do solvente diminua

22.5. Tempo de Meia Vida

22.5.1. Pode ser calculada por meio das seguintes maneiras

22.5.2. O tempo de meia é uma característica de cada radioisótopo, portanto não é influenciado por pressão, temperatura ou massa da amostra

22.6. A quantidade de átomos inicial dividida pela quantidade final de átomos não desintegrados é igual à dois, elevado ao número de meias-vidas

22.6.1. Ebulioscopia

22.6.1.1. A presença, em solução, de um soluto não volátil, faz com que a temperatura de ebulição do solvente aumente

22.7. Efeitos Coligativos

22.7.1. Crioscopia

22.7.1.1. A presença, em solução, de um soluto não volátil, provoca uma diminuição da temperatura de congelamento do solvente

23. Literatura

23.1. Arcadismo

23.1.1. Ocorreu durante o Iluminismo francês do século XVII

23.1.2. No Brasil, teve como centro de produção Minas Gerais, centro político e econômico da Colônia

23.1.3. Características

23.1.3.1. Racionalismo

23.1.3.2. Simplicidade formal

23.1.3.3. Uso de convenções clássicas

23.1.3.3.1. Carpe Diem

23.1.3.3.2. Inutilia Truncat

23.1.3.3.3. Fugere Urbem

23.1.3.3.4. Aure Mediocritas

23.1.3.3.5. Locus Amoenus

23.1.3.4. Uso de pseudônimos pastorís pelos autores de poesias

23.2. Poesia

23.2.1. Características

23.2.1.1. Subjetividade

23.2.1.2. Sentimentalismo

23.2.1.2.1. Supervalorização do amor

23.2.1.2.2. Idealização do belo

23.2.1.3. Expressão dos valores burgueses

23.2.1.4. Nacionalismo/Ufanismo

23.2.1.4.1. Valorização do Brasil

23.2.2. 1ª Geração

23.2.2.1. Indianismo

23.2.2.1.1. Culto à figura do Índio como representante do Brasil

23.2.2.1.2. Forte religiosidade

23.2.3. 2ª geração

23.2.3.1. Ultrarromantismo

23.2.3.1.1. Individualismo exacerbado

23.2.3.1.2. Fuga da realidade

23.2.3.1.3. Temas depressivos e tristes

23.2.4. Condoreirismo

23.2.4.1. Estilo grandioso e épico nas poesias

23.2.5. 3ª geração

23.3. Amores passados

23.4. Romantismo

23.4.1. Prosa

23.4.1.1. Características

23.4.1.1.1. Retrato de questões sociais da época

23.4.1.1.2. A literatura passa a ser moralizante

23.4.1.1.3. Realidade distorcida

23.4.1.1.4. Destaque para os detalhes da época e da região onde o livro é escrito

23.4.1.1.5. Antagonismo e idealização do bem

23.4.2. Valorização do "Eu"

24. Geografia

24.1. Planeta Terra

24.1.1. Movimentos

24.1.1.1. Rotação

24.1.1.1.1. Duração

24.1.1.1.2. Sentido

24.1.1.1.3. Velocidade tangencial

24.1.1.1.4. Consequências

24.1.1.2. Translação

24.1.1.2.1. Duração

24.1.1.2.2. Sentido

24.1.1.2.3. Velocidade

24.1.1.2.4. Consequências

24.1.1.3. Norte e Sul

24.1.1.4. Estações do ano

24.1.1.4.1. Equinócios

24.1.1.4.2. Solstícios

24.1.2. Pontos Cardeais

24.1.2.1. Leste e Oeste

24.2. Orientação

24.2.1. Rosa dos Ventos

24.2.1.1. Pontos Sub-colaterais

24.2.1.1.1. Sul-sudeste, sul-sudoeste, oeste-sudoeste, oeste-noroeste, nor-noroeste, nor-nordeste, este-nordeste e este-sudeste

24.2.2. Coordenadas Geográficas

24.2.2.1. Latitude

24.2.2.1.1. Divide a Terra em hemisfério Norte ou Setentrional e hemisfério Sul ou Meridional

24.2.2.1.2. Vai de 90º Norte à 90º Sul

24.2.2.2. Longitude

24.2.2.2.1. Medida angular entre o Meridiano de Greenwich e qualquer ponto na superfície terrestre

24.2.2.2.2. Divide a Terra em hemisfério Leste ou Oriental, e hemisfério Oeste ou Ocidental

24.2.2.2.3. Vai de 180º Oeste à 180º Leste