Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
INSULINA por Mind Map: INSULINA

1. ADMINISTRAÇÃO

1.1. VIA

1.1.1. INTRA-MUSCULAR

1.1.1.1. Usada em Pronto Socorro

1.1.1.2. Urgências de hiperglicemia

1.1.2. SUBCUTÂNEA

1.1.2.1. Absorção gradativa da insulina

1.1.2.2. É a via mais usada no tratamento

1.1.2.3. Locais

1.1.2.3.1. Braços

1.1.2.3.2. Nádegas

1.1.2.3.3. Coxas

1.1.2.3.4. Abdômen

1.1.2.4. Realizar "Prega Cutânea"

1.1.3. ENDOVENOSA

1.1.3.1. Utilizado em Unidade de Terapia Intensiva (UTI)

2. DESCARTE

2.1. Serviços de Saúde

2.1.1. Diretrizes técnicas e legais sobre o manejo seguro de todos os resíduos, desde a sua produção até o destino final

2.1.1.1. Coletores específicos para perfuro-cortantes

2.1.1.1.1. Não exceder 2/3 da caixa de descarte do perfuro-cortante

2.1.1.2. Lixo especial para resíduo contaminados

2.2. Domicílio

2.2.1. Usar a mesma diretriz do Serviço de saúde

2.2.1.1. Com condições

2.2.1.1.1. Coletores específicos para perfuro-cortantes

2.2.1.1.2. Lixo especial para resíduo contaminado

2.2.1.2. Sem condições

2.2.1.2.1. Profissional da Saúde deve assegurar o descarte correto

2.2.1.2.2. Usar o recipiente para descarte com as características: Material inquebrável, paredes rígidas, resistentes à perfuração, abertura larga e com a tampa

3. PREPARO

3.1. 1 tipo de insulina na seringa

3.1.1. 1. Lavar e secar as mãos. 3. Homogeneizar uma suspensão de insulina. 10. Remover a agulha do frasco, protegendo-a até o momento da aplicação

3.1.2. 2. Reúna uma insulina prescrita, uma seringa com agulha, o um-aroma e o álcool 70%.

3.1.3. 3. Homogeneizar uma suspensão de insulina

3.1.4. 4. Proceder à assepsia do borracha do frasco de insulina

3.1.5. 5. Manter o controle da vacina e aspirar até os dados da prescrição

3.1.6. 6. Retirar o protetor da agulha e injetar o ar no frasco de insulina

3.1.7. 7. Sem retirar a agulha, colocar uma pílula de cabeça para baixo e aspirar uma insulina até uma dose prescrita

3.1.8. 8. Eliminar as bolhas de ar, se presentes

3.1.9. 9. Virar o frasco para a posição inicial

3.1.10. 10. Remover a agulha do frasco, protegendo-a até o momento da aplicação.

3.2. 2 tipos de insulina na mesma seringa

3.2.1. 1. Proceder à assepsia da borracha do frasco de insulina.

3.2.2. 2. Aspirar, na seringa, corresponde à dose de insulina NPH.

3.2.3. 3. Injetar ou não um frasco de insulina NPH, após retirar a agulha do frasco sem aspirar uma insulina .

3.2.4. 4. Aspirar, na seringa, são correspondentes à dose de insulina.

3.2.5. 5. Injetar o ar no frasco de insulina Regular, tomar o frasco e aspirar uma dose prescrita de insulina Regular.

3.2.6. 6. Colocar o frasco de insulina Regular na posição inicial e retirar a agulha

3.2.7. 7. Posicionar o frasco de insulina NPH de cabeça para baixo, introduzir a agulha da seringa que já está com a insulina regular e aspirar a dose correspondente à insulina NPH. O total de insulina na seringa deve corresponder à soma das doses das duas insulinas

3.2.8. 8. Retornar ao risco à posição inicial

3.2.9. 9. Remover a agulha do frasco,protegendo-a até o momento da aplicação.

3.2.10. Se a dose aspirada na seringa for maior que a soma das doses prescritas, o excesso não deve ser devolvido ao frasco. É necessário, então, descartar a seringa com a insulina e reiniciar o procedimento com uma seringa nova.

3.3. Insulina aplicada com caneta

3.3.1. 1. Lavar e secar as mãos.

3.3.2. 2. Reunir a caneta, a agulha, o algodão e o álcool 70%

3.3.3. 3. Homogeneizar uma insulina, se em suspensão

3.3.4. 4. Realizar assepsia com álcool 70% no local a que será acoplada a agulha; esperar secar.

3.3.5. 5. Rosquear a agulha e os seus protetores externos e inter-no, reservando o protetor externo.

3.3.6. 6. Comprovar o fluxo de insulina.

3.3.7. 7. Escolha uma dose de insulina.

3.3.8. 8. Realizar assepsia com álcool 70% não local escolhido para aplicação; Espere secar.

3.3.9. 9. Fazer uma subcutânea e recorrer uma agulha.

3.3.10. 10. Pressionar o botão injetor para injetar a insulina.

3.3.11. 11. Aguardar, no mínimo, 10 segundos para retirar uma agulha; manter o botão injetor pressionado.

3.3.12. 12. Remover uma agulha, usando o protetor externo.

3.3.13. 13. Descartar a agulha em recipiente próprio.

3.3.14. 14. Recolocar a tampa da caneta.

4. ARMAZENAMENTO

4.1. Geladeira doméstica

4.1.1. Insulina lacrada

4.1.1.1. 2 e 8 ° C

4.1.1.2. Validade de 2 a 3 anos a partir da data de fabricação

4.1.2. Insulina em uso

4.1.2.1. Frasco

4.1.2.1.1. 2 e 8°C

4.1.2.1.2. Validade 4 a 8 semanas após os dados de abertura e o início de uso

4.1.2.2. Caneta Recarregável

4.1.2.2.1. Temperatura ambiente até 30 ° C

4.1.2.2.2. Validade 4 a 8 semanas após os dados de abertura e o início de uso

4.1.2.3. Caneta recarregável contendo refil

4.1.2.3.1. Temperatura ambiente até 30°C

4.1.2.3.2. Validade 4 a 8 semanas após os dados de abertura e o início de uso

5. TRANSPORTE

5.1. Bagagem de mão

5.1.1. Embalagens Térmicas e Isopor

5.1.1.1. A insulina não entre em contato direto com gelo ou similar