Selection of Appropriate Web Content Management System (WCMS)

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Selection of Appropriate Web Content Management System (WCMS) por Mind Map: Selection of Appropriate Web Content Management System (WCMS)

1. Autores deste Mapa Mental

1.1. Dalton Lima

1.2. Lucas Alves

1.3. Wesley Otto

1.4. Rafael ?

2. Autor do Artigo Original

2.1. Neeraj Rohilla

2.2. Panjab University

2.3. Chandigarh,India

2.4. [email protected]

3. Publicado em

3.1. International Journal Of Engineering And Computer Science ISSN:2319-7242

3.2. Volume 6 Issue 6 June 2017, Page No. 21830-21832

3.3. Index Copernicus value (2015): 58.10 DOI: 10.18535/ijecs/v6i6.46

4. Palavras Chave

4.1. WCMS

4.2. Wordpress

4.3. Joomla

4.4. Drupal

5. WordPress

5.1. Resumo

5.1.1. Free e open source CMS

5.1.2. Mais usado no mundo - 27% dos top 10 milhões sites

5.1.3. Melhor para iniciantes, pela facilidade de uso

5.2. Features

5.2.1. Fácil de instalar

5.2.2. Fácil de publicar

5.2.2.1. Como criar conteúdo num editor de texto

5.2.3. Código em acordo com padrões

5.2.3.1. Segue os W3C standards

5.2.4. Pacotes (bundles) de design

5.2.4.1. Muitos mais temas, add-ons, plugins e widgets que os concorrentes

5.2.5. Gerenciamento de Usuários

5.2.5.1. Grande flexibilidade na criação de usuários e grupos

5.2.6. SEO

5.2.6.1. Search Engine Optimization - "amigo dos crawlers*"

5.2.6.1.1. A crawler is a program used by search engines to collect data from the internet. When a crawler visits a website, it picks over the entire website’s content (i.e. the text) and stores it in a databank. It also stores all the external and internal links to the website. The crawler will visit the stored links at a later point in time, which is how it moves from one website to the next. By this process the crawler captures and indexes every website that has links to at least one other website.

5.2.7. Flexibilidadae

5.2.7.1. Se adapta a várias tipos de necessidades

5.2.8. Suporte da Comunidade

5.2.9. Multi-idiomas

5.2.9.1. Disponível em mais de 70 idiomas

5.2.10. Multi-Site

5.2.10.1. Permite termos sites em diferentes domínios/subdomínios.

6. Joomla

6.1. Resumo

6.1.1. Free e open source CMS

6.1.2. +3% toda Web

6.1.3. +9% Market Share

6.1.4. Presente em centenas de milhares de pequenos negócios, governos, ONGs e grandes organizações

6.2. Features

6.2.1. Gerenciamento de Template

6.2.1.1. Altamente customizáveis, permite o uso simultâneo de vários templates

6.2.2. Setup fácil para e-Commerce

6.2.2.1. Mais fácil que concorrentes. Grande ponto forte!

6.2.3. Multi-idioma

6.2.3.1. Suporte a mais de 65 idiomas

6.2.4. Categorização "Nested" (aninhada)

6.2.4.1. Útil para gerenciar perfis de usuários em grandes portais

6.2.5. Extensibilidade

6.2.5.1. + 7500 extensões, além do básico

6.2.6. Extensivo ACL (Access Control List)

6.2.6.1. Facilita a gestão de usuário e grupos

6.2.7. Busca

6.2.7.1. Facilita a navegabilidade e fornece uso de estatísticas de busca

7. Drupal

7.1. Resumo

7.1.1. Free e Open source CMS

7.1.2. Usado em milhões de websites e aplicações

7.1.3. GNU licensing

7.1.4. Back-End Framework para ao menos 2.2% da Web

7.1.5. Construído por uma ativa e diversa comunidade.

7.2. Features

7.2.1. Técnicamente Avançado

7.2.1.1. O mais avançado dos 3 neste quesito

7.2.2. Performance

7.2.2.1. Tempo de resposta e carregamento bem menor que dos outros CMS's comparados

7.2.2.2. Requer bem menos recursos de servidor

7.2.3. Customizável

7.2.3.1. Fácil de customizar com muitos plugins e temas.

7.2.3.2. Permite edições mais específicas que os demais.

7.2.4. Gerenciamento de Usuário

7.2.4.1. Controle de granularidade de edição. Camadas extras de segurança

7.2.5. Grande e vibrante comunidade

7.2.6. Arquitetura flexível

7.2.6.1. Você pode criar módulos e custom features

8. Tabela de Comparação

8.1. ComparacaoCMS.jpg

9. Conclusão

9.1. Qual CMS escolher?

9.2. Cada cenário requer diferentes capacidades

9.3. Todos os 3 são sólidos e com comunidades robustas e muitas funcionalidades

9.4. Para um projeto simples. Um site ou blog

9.4.1. WordPress

9.5. Para projetos que podem crescer significativamente, requerendo muita customização

9.5.1. Drupal

9.6. Entre estes dois casos ou para algo único como uma rede social ou um e-commerce

9.6.1. Joomla

10. Do que se trata?

10.1. WCMS permitem editarmos Websites sem editar código.

10.2. Comparação de 3 dos mais famosos WCMS usados (Drupal, Joomla e WordPress)