Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
CARDIOPATIAS por Mind Map: CARDIOPATIAS

1. Congênitas

1.1. influências genéticas e ambientais

1.2. SHUNTS

1.2.1. da esquerda para a direita

1.2.1.1. não cianótico

1.2.2. da direita para a esquerda

1.2.2.1. Tetralogia de Fallot

1.2.2.1.1. defeito no septo ventricular

1.2.2.1.2. estenose da valva pulmonar

1.2.2.1.3. destro-posição da aorta

1.2.2.1.4. hipertrofia do ventrículo direito

1.2.2.2. cianótica

1.3. Truncus Arteriosus

1.3.1. um único vaso ocupar o lugar das a. pulmonar e aorta

1.3.2. doença congênita rara

2. Insuficiência Cardíaca

3. Cardiomiopatias

3.1. Pode ser

3.1.1. Primária

3.1.1.1. sem causa ou genética

3.1.2. Secundária

3.1.2.1. parte de doenças sistêmicas/de base

3.2. Tipos

3.2.1. Dilatada

3.2.1.1. dilatação global do m. cardíaco

3.2.1.2. peso aumentado

3.2.1.3. dilatação das 4 câmaras

3.2.1.4. paredes delgadas

3.2.1.5. valvas íntegras, mas deslocadas

3.2.1.6. presença de trombos intracavitários

3.2.2. Hipertrofiada

3.2.2.1. Causas

3.2.2.1.1. estenose subaórtica

3.2.2.1.2. hipertensão

3.2.2.1.3. alterações valvares

3.2.2.1.4. causas congênitas

3.2.2.1.5. doenças de depósito

4. Isquêmica

4.1. causa principal: doença aterosclerótica obstrutiva

4.1.1. Hipercolesterolemia

4.2. Angina Pectoris

4.2.1. Típica/Estável

4.2.1.1. associada ao esforço

4.2.2. Instável

4.2.2.1. dor mesmo em repouso

4.2.2.2. não melhora com vasodilatadores e betabloqueadores

4.2.3. Prinzmetal

4.2.3.1. causa vasoespasmos espontâneos

4.2.3.2. paciente sem histórico de doença aterosclerótica

4.2.3.3. responde bem a vasodilatadores e betabloqueadores

4.3. Formas de apresentação

4.3.1. Infarto Agudo do Miocárdio

4.3.1.1. Transmurais

4.3.1.1.1. são maioria

4.3.1.2. Não transmurais

4.3.1.2.1. maioria é subendocárdica

4.3.1.2.2. também pode ser endocárdico

4.3.1.3. Complicações do infarto

4.3.1.3.1. Aneurisma

4.3.1.3.2. disfunção contrátil

4.3.1.3.3. arritmia

4.3.1.3.4. Ruptura do músculo cardíaco

4.3.2. Cardiopatia Isquêmica Crônica

4.3.3. Morte súbita

4.3.3.1. morte inesperada sem causa aparente ou nas primeiras 24 horas após o início dos sintomas

4.3.3.2. Aterosclerose é a causa mais frequente

4.3.3.3. Doença aterosclerótica prévia assintomática ou oligossintomática

4.3.3.4. Pode ser causada por arritmia fatal

5. Hipertensiva

5.1. Características

5.1.1. Fluxo sanguíneo aumentado

5.1.2. Vasoconstrição sistêmica

5.1.3. Hipertrofia muscular e do conjuntivo

5.1.3.1. Excêntrica

5.1.3.1.1. demanda volumétrica

5.1.3.2. Concêntrica

5.1.3.2.1. demanda pressórica

5.2. Pode ser

5.2.1. Primária

5.2.1.1. sem causa aparente ou genética

5.2.2. Secundária

5.2.2.1. decorrente de doenças de base

5.3. Tipos

5.3.1. IC Esquerda

5.3.1.1. sistólica

5.3.1.1.1. diminuição do volume da câmara cardíaca

5.3.1.2. diastólica

5.3.1.2.1. dificuldade de relaxamento por deposição de colágeno

5.3.1.3. Sintomas

5.3.1.3.1. dispneia, cansaço, fadiga

5.3.1.3.2. congestão passiva pulmonar crônica

5.3.1.3.3. edema de pulmão

5.3.1.3.4. apneia paroxística nortuna

5.3.2. IC Direita

5.3.2.1. decorrente de COR PULMONALE

5.3.2.1.1. COR PULMONALE: hipertensão dos capilares pulmonares

5.3.2.2. evolução da ICE

5.3.2.3. Sintomas

5.3.2.3.1. turgor de jugular

5.3.2.3.2. edema de mm ii

5.3.2.3.3. hepatoesplenomegalia

5.3.2.3.4. hipertensão portal

5.3.2.3.5. fígado em noz moscada

5.3.3. IC Global

5.3.3.1. ICE + ICD

6. qualquer tipo de afecção ou moléstia que afeta o coração

7. Cardites

7.1. Infecciosas

7.1.1. miocardite chagásica crônica

7.1.1.1. não é possível visualizar amastigotas

7.1.2. miocardite chagásica aguda

7.1.2.1. amastigotas infectantes

7.2. Não infecciosas

7.2.1. sarcoidose

7.2.2. doença reumática