DELINEAMENTO DA PESQUISA

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
DELINEAMENTO DA PESQUISA por Mind Map: DELINEAMENTO DA PESQUISA

1. A Formulação fazer problema, a construção de hipóteses ea identificação das relações rntre variáveis constituinte passos fazer estabelecimento fazer marco teórico , o sistema conceitual da Pesquisa.

2. O delineamento refere-se ao planejamento da pesquisa em sua dimensão mais ampla, envolvendo tanto a sua diagramação quanto a previsão de análise e interpretação dos dados.

3. Com o delineamento da pesquisa, as preocupações essencialmente lógicas e teóricas da fase anterior cedem lugar aos problemas mais práticos de verificação.

4. O elemento mais importante para a identificação de um delineamento é o procedimento adotado para a coleta de dados.

5. Dois grandes grupos de delineamentos: aqueles que se valem das chamadas fontes de “papel” e aqueles cujos dados são fornecidos por pessoas. No primeiro grupo estão a pesquisa bibliográfica e a pesquisa documental. No segundo estão a pes- quisa experimental, a pesquisa ex-post-facto, o levantamento, o estudo de campo e o estudo de caso.

6. A pesquisa bibliográfica é desenvolvida a partir de material já elaborado, constituído principalmente de livros e artigos científicos

7. A principal vantagem da pesquisa bibliográfica reside no fato de permitir ao investigador a cobertura de uma gama de fenômenos muito mais ampla do que aquela que poderia pesquisar diretamente

8. Estas vantagens da pesquisa bibliográfica têm, contudo, uma contrapartida que pode comprometer em muito a qualidade da pesquisa

9. Uma pesquisa documental assemelha-se muito à pesquisa bibliográfica,uma única diferença é a natureza das fontes.

10. A pesquisa documental vale-se de materiais que não rece- beram ainda um tratamento analítico, ou que ainda podem ser reelaborados de acordo com os objetivos da pesquisa

11. O Desenvolvimento da Pesquisa documental Segue mesmos os passos da Pesquisa Bibliográfica.

12. Essencialmente, o delineamento experimental consiste em determinar um objeto de estudo, selecionar as variáveis que seriam capazes de influenciá-lo, definir as formas de controle e de observação dos efeitos que a variável produz no objeto

13. O esquema básico da experimentação pode ser assim descrito: seja Z o fe- nômeno estudado, que em condições não experimentais se apresenta perante os fatores A, B, C, e D. A

14. Pesquisa ex-post-facto é como uma investigação sistemática e empírica na qual o pesquisador não tem controle direto sobre as variáveis independentes, porque já ocorreram suas manifestações ou porque são intrinseca- mente não manipuláveis

15. Na pesquisa ex-post-facto a manipulação da variável independente é impossível, elas chegam ao pesquisador já tendo exercido os seus efeitos

16. A pesquisa ex-post-facto lida com variáveis que, por sua natureza não são manipuláveis, como: sexo, classe social, nível intelectual, preconceito, autoritarismo etc

17. Os estudos de campo procuram muito mais o aprofundamento das questões propostas do que a distribuição das características da população segundo determinadas variáveis

18. Como conseqüência, o planejamento do estudo de campo apresenta muito maior flexibilidade, podendo ocorrer mesmo que seus objetivos sejam reformulados ao longo do processo de pesquisa

19. O estudo de caso é caracterizado pelo estudo profundo e exaustivo de um ou de poucos objetos, de maneira a permitir o seu conhecimento amplo e detalhamento.

20. Realização de estudos de caso em períodos mais curtos e com resultados passíveis de confirmação por outros estudos.