Processo de Desenvolvimento de Produtos (PDP)

Mapa conceitual desenvolvido na matéria SIN 917 - Produtos e Serviços de Informação referente a atividade 05 da disciplina.

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Processo de Desenvolvimento de Produtos (PDP) por Mind Map: Processo de Desenvolvimento de Produtos (PDP)

1. Importância:

1.1. O PDP auxilia na identificação das necessidades do mercado, propondo soluções que atendam tais necessidades.

2. Definição de PDP:

2.1. Processo crítico de negócio, no qual busca-se, a partir das necessidades, do mercado, das possibilidades e restrições ideológicas, considerando as estratégias competitivas, chegar às especificações de projeto de produto e seu processo de produção. Por meio deste processo a empresa cria produtos mais competitivos e em menos tempo para atender a evolução do mercado.

3. Características:

3.1. Elevado grau de incerteza e risco

3.2. Decisões importante devem ser tomadas no início do projeto

3.3. Dificuldade de mudar decisões iniciais

3.4. As atividades seguem um ciclo iterativo baseado em Projetar - Construir - Testar - Otimizar

3.5. Manipulação e geração de alto volume de informações

3.6. Diversas fontes de informações

3.7. Diversos requisitos a serem atendidos pelo processo, considerando todas as fases do projeto

4. Tipos de PDP: São baseados no grau de mudança que o projeto representa em relação a projeto anteriores:

4.1. Projetos radicais:

4.1.1. envolvem mudanças significativas no produto ou no processo. Geralmente envolvem novas tecnologias e materiais.

4.2. Projetos plataforma:

4.2.1. alterações significativas no produto ou no processo, mas sem a adição de novas tecnologias ou materiais. O projeto deve suportar toda uma geração de produtos e ter ligações com as gerações anteriores do produto.

4.3. Projetos incrementais:

4.3.1. envolvem produtos ou processos derivados ou possuem pequenas modificações em relação a produtos já existentes. Exigem menos recursos.

4.4. Projetos follow-source:

4.4.1. projetos que chegam através de outras unidades e requerem alterações significativas para adequar o produto ou processo.

4.5. Projetos de pesquisa avançada:

4.5.1. criar conhecimentos para projetos futuros

5. Multiprojetos e projetos plataforma: Quando a empresa possui um portfólio de projetos e produtos, diferenciando os tipos a partir da tecnologia ou de mudanças na plataforma. Divididos em quatro tipos:

5.1. Novo projeto:

5.1.1. é desenvolvida uma nova plataforma tecnológica.

5.2. Transferência de tecnologia simultânea:

5.2.1. quando um novo projeto utiliza uma plataforma de um projeto base, antes que o desenvolvimento tenha sido concluído.

5.3. Transferência de tecnologia sequencial:

5.3.1. quando um novo projeto utiliza uma plataforma de um projeto base, cujo desenvolvimento tenha sido concluído.

5.4. Modificação de projeto:

5.4.1. não há transferência de tecnologia ou de plataforma, há apenas modificações em projetos existentes.

6. Definição de PROCESSO:

6.1. Conjunto de atividades realizadas em uma sequência lógica com o objetivo de produzir um bem ou serviço que tem valor para um grupo específico de clientes

6.2. Auxilia na visualização das organizações no que diz respeito as atividades realizadas, suas inter-relações e eficiência de suas operações.

7. Abordagens do PDP:

7.1. Metodologia de projeto:

7.1.1. Encontrar uma sequência racional de etapas e atividades para desenvolver um produto.

7.2. Engenharia simultânea

7.2.1. Ampliou a integração, propondo a participação de clientes e fornecedores no processo de desenvolvimento, mostrando as vantagens da realização de atividades simultâneas.

7.3. Funil de desenvolvimento:

7.3.1. Adoção de uma visão baseada em processos e o alinhamento entre as atividades do PDP e o planejamento estratégico da organização

7.4. Stage-Gates

7.4.1. Surgiu a partir da abordagem do funil de desenvolvimento, mas focava em um processo sistemático de decisão, garantindo o desempenho e a qualidade levando em conta as mudanças do ambiente e o andamento dos projetos.

7.5. Desenvolvimento Lean:

7.5.1. Visão mais orgânica do processo, através da simplificação e diminuição da formalização do processo, com foco na prototipagem. Busca retardar decisões de detalhes muito específicos, deixando tais decisões para as etapas finais do projeto.

7.6. Design for six sigma (DFSS)

7.6.1. Foca na integração das necessidades do cliente, requisito do produto, especificações e tolerâncias por meio de ferramentas estatísticas e de simulação.

7.7. Modelos de maturidade

7.7.1. Modelos estatísticos que demostram o nível mais avançado de prática, com ênfase na implementação dos processos e na melhoria contínua.

7.8. Capability Maturity Model Integration (CMMI)

7.8.1. Sistematização do desenvolvimento divididas em áreas do conhecimento, fornecendo indicadores capazes de medir os níveis de maturidade em termos de práticas.

7.9. Gestão do ciclo de vida dos produtos

7.9.1. Soluções tecnológicas que permitem navegar por todos os dados e documentos do projeto, podendo se comunicar com todas as partes envolvidas nos projetos.

8. Estruturas de organização do PDP

8.1. Estrutura Funcional

8.1.1. A ligação entre os indivíduos ocorre primeiro entre aqueles que realizam funções semelhantes

8.2. Estrutura por Projetos

8.2.1. A ligação entre os indivíduos ocorre primeiro entre aqueles que trabalham no mesmo projeto

8.3. Estrutura Matriarcal

8.3.1. Os indivíduos estão ligados tanto por suas áreas funcionais quanto por meio dos projetos.

8.3.1.1. Estrutura de Projeto Peso Leve

8.3.1.1.1. Predomina a ligação baseada na função.

8.3.1.2. Estrutura de Projeto Peso Pesado

8.3.1.2.1. Predomina a ligação baseada em projetos. Possui natureza cross-funcional. também sendo conhecida como time de desenvolvimento