P&D Light: atividades de equipes do LAT

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
P&D Light: atividades de equipes do LAT por Mind Map: P&D Light: atividades de equipes do LAT

1. Construção das malhas de aterramento

2. Definir threshold a partir dos parâmetros calculados, trabalhos publicados e normas técnicas de segurança (bom, atenção, perigo iminente).

3. Injeção de correntes à frequência industrial na malha de terra e consequente medição da resistência e impedância da malha.

4. Líder - Arthur. Equipe: Matheus Rocha e André.

4.1. Criar banco de dados hipotético de malhas de aterramento em diferentes níveis de degradação: rompimento de cabos, hastes oxidadas, etc. Utilizar sistema de coordenadas.

4.2. Aplicar método numérico para determinação dos demais potencias elétricos dentro e fora da malha de terra - DIFERENÇAS FINITAS?

4.3. Calcular a partir dos resultados anteriores: resistência, impedância, potencial de superfície, tensão de passo e tensão de toque.

4.4. Definir a localização do possível defeito.

4.5. Utilizar um classificador de estados para correlacionar o possível defeito com os defeitos típicos. Enviar mensagem de alerta.

5. Líder - Lenilson. Equipe: Ítalo, Ígor e voluntários.

5.1. Construção do gerador de impulsos de baixa corrente (até 30 A)

5.2. Elaboração do setup, realização de medições, roteiro de atividades e construção do banco de dados (alta e baixa corrente)

5.3. Realização de medições adicionais com o terrômetro convencional e terrômetro da Metrel

5.4. Análise comparativa dos resultados obtidos com o osciloscópio + ponta de prova, terrômetro convencional e terrômetro da Metrel, para impulsos de corrente com alta e baixa amplitude, com e sem injeção de corrente à frequência industrial.

5.5. Realização de ensaios e respectivas análises dos resultados obtidos com o protótipo desenvolvido no LIMC, nas malhas de aterramento para testes.

5.6. Realização de ensaios e respectivas análises dos resultados com o protótipo desenvolvido no LIMC, na malha de aterramento da Light.

6. Líder Marconi. Equipe: Matheus Rique e Mirelle.

6.1. Simulações no Comsol - excluído do projeto.

6.2. Simulações no XGSLab, reproduzindo os sistemas de aterramento sob teste.

6.3. Comparação dos resultados das simulações com os resultados de medição. Análise técnica.

6.4. Suporte por meio de simulações e conhecimento técnico na análise dos resultados obtidos pelas equipes de Arthur e Lenilson.

7. Quais as atividades dos alunos de graduação?

7.1. Estar presente no horário disponível para o projeto, conforme carga horária prevista em plano de trabalho. A justificativa de falta, quando houver, deve ser encaminhada para análise do seu líder.

7.2. Realizar com zelo e dedicação as atividades exigidas pelo seu líder.

8. Quais as atividades dos líderes?

8.1. Estar presente no horário disponível para o projeto, conforme carga horária prevista em plano de trabalho. A justificativa de faltas, quando houver, deve ser encaminhada para análise da gestão de projetos (Lidja).

8.2. Definir, semanalmente, as atividades que os seus liderados devem executar.

8.3. Responsabilizar-se pela execução das atividades elencadas neste material, e outras que por ventura surjam ao longo do projeto.

8.4. Acompanhar as atividades desenvolvidas pelos seus liderados, cobrando relatórios e indicando as correções e ajustes que devem ser feitos.

8.5. Se responsabilizar pelo acompanhamento da frequência dos seus liderados (alunos bolsistas), podendo para isso, ser empregado uma lista de frequência diária, por turno.