Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Osteoartrose por Mind Map: Osteoartrose

1. Epidemiologia

1.1. pessoas com 65 anos ou mais. Homens – geralmente antes dos 45 anos. Mulheres – depois dos 45 anos

1.2. 40% acima de 70 anos tem diagnóstico de OA

1.3. 80% tem algum tipo de limitação/ 2ª causa de invalidez em maiores de 50 anos – USA

2. Fisiopatologia

2.1. Agreção biomecânica → agride a cartilagem articular

2.2. Condrócitos ↑ de tamanho e ÷ p/ manter a homeostase

2.3. Durante a hipertrofia e hiperplasia quebram o colágeno e as proteoglicanas → alterações estruturais

2.4. Alteração estrutural é expressa por osteófitos e microfraturas subcondrais → gera uma resposta inflamatória e imunológica

2.5. A cartilagem pode se desprender e formar cistos na articulação (nódulos de Hebberden)

3. Quadro Clínico

3.1. Dor ou sensibilidade à palpação / Dor articulação

3.2. Piora da dor com a atividade, melhora com o repouso

3.3. Crepitações palpáveis ou audíveis / Limitações de ADM

3.4. Fraqueza e hipotrofia muscular / Espasmos musculares

3.5. Rigidez matinal inferior a 30 minutos ou períodos de imobilidade

3.6. Nódulos de Heberden e Bouchard / presença de protuberâncias nas interlinhas articulares (osteófitos) Anquilose / Deformidade

4. Fatores de Risco

4.1. Obesidade

4.2. Fatores Importantes

4.2.1. Genéticos: HLA-A1 e B8 nódulos de Herberden

4.2.2. Idade – 61 – 70 anos

4.2.3. Sexo – F:M = 4:1

4.3. Fatores de Risco Biomecânicos

4.3.1. Trauma mecânico / Esportes violentos

4.3.2. Fraqueza muscular / Trabalho

4.3.3. Hipermobilidade – maior elasticidade

4.3.4. Deformidade articular

5. Tratamento

5.1. Controle da dor e do edema articular / Redução da incapacidade funcional / Melhora da qualidade de vida

5.1.1. Analgesia Crioterapia Eletroterapia

5.2. Exercícios de reforço muscular e ganho de ADM

5.2.1. Modalidade de Ação Muscular

5.2.1.1. Isométrica, Concêntrica e Excêntrica

5.2.2. Modalidades de Exercícios

5.2.2.1. Exercícios passivos, ativo-assistido, ativos, de alongamento, de controle e coordenação muscular, de Resistência e Fortalecimento

5.3. Uso de órteses / Melhora da marcha e equilíbrio

5.3.1. Órteses de posicionamento

5.4. Proteção da articulação

5.4.1. Repouso art. como talas e etc

5.5. Prevenção de disfunções gerais

5.6. Hidroterapia

5.6.1. menor o peso sustentado pelas articulações, Melhora da capacidade funcional dos músculos e articulações, melhora da coordenação, equilíbrio, postura e dor

6. Classificação

6.1. Localizada - até 2 art.

6.2. Generalizada - 3 ou mais art.

6.3. Primaria ou idiopática - etiologia desc. influencia genética

6.4. secundária - Deriva de uma outra doença