FARMACODINÂMICA é a forma como determinado fármaco atual no corpo (6).

FARMACODINÂMICA

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
FARMACODINÂMICA é a forma como determinado fármaco atual no corpo (6). por Mind Map: FARMACODINÂMICA é a forma como determinado fármaco atual no corpo (6).

1. EFICÁCIA DO LIGANTE é sobre a afinidade com o fármaco, ou seja, quanto maior o efeito biológico/maior evidência mais eficaz é o fármaco (1).

2. POTÊNCIA DO LIGANTE é a concentração/dosagem necessária do fármaco para desempenhar 50% do efeito biológico (1).

3. AFINIDADE é a tendência que as moléculas de um fármaco têm de atrair-se aos seus receptores. Quanto maior a afinidade maior a sua potência (4).

4. AGONISTA é qualquer substância que ativa o receptor (2).

4.1. AGONISTA TOTAL é o que ao ativar o receptor gera o efeito total do receptor (2).

4.2. AGONISTA PARCIAL é quando ao ativar o receptor não gera 100% do efeito desejado (2).

4.3. AGONISTA INVERSO é quando a substância liga-se ao receptor e reduz o nível de sua ativação (3).

5. ANTAGONISTA é qualquer substância que ao ligar-se ao receptor o inativa (2), ou seja, não produz ativação impedindo a ligação do agonista (5).

5.1. ANTAGONISTA COMPETITIVO é quando a substância compete com o agonista para se ligar ao receptor (2).

5.2. ANTAGONISTA NÃO-COMPETITIVO é quando a substância tem a função de anular ativamente os efeitos de substâncias agonistas (4).

5.2.1. FUNCIONAL: produz os efeitos biológicos opostos ao agonista inicial (4).

5.2.2. QUÍMICO: diminui a afinidade por sítios de ligação nos receptores (4).

5.2.3. METAFINOIDE: muda a conformação dos sítios de ligação dos receptores (4).

5.2.4. BIOQUÍMICO: reduz a concentração do agonista no local de ação terapêutico (4).

6. TOLERÂNCIA se caracteriza pela redução dos efeitos de um fármaco devido sua utilização repetida em doses equivalentes ou pela necessidade de doses maiores a fim de se ter o resultado desejado (6), promovendo alterações na eficácia e na potência do fármaco (1).

7. Referências: (1) https://ucb.catolica.edu.br/minhasala/pluginfile.php/305188/mod_resource/content/1/Aula_Farmacodin%C3%A2mica.pdf (2) https://www.youtube.com/watch?v=uZ-gVhq-hm8 (3) http://www.icb.ufrj.br/media/BMF355_313/Paarte%20II.pdf (4) http://www.ufjf.br/farmacologia/files/2015/03/Farmacodina%CC%82mica-2015-PDF.pdf (5) https://www.youtube.com/watch?v=l8KrF05SluA (6) http://cm-kls-content.s3.amazonaws.com/201701/INTERATIVAS_2_0/PSICOFARMACOLOGIA/U1/LIVRO_UNICO.pdf