Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
AINES por Mind Map: AINES

1. VIAS DE ADMINISTRAÇÃO

1.1. Via oral

1.1.1. Forma mais comum de administração porem com alguns fatores influenciadores.

1.2. Via Tópica

1.2.1. Atua diretamente com os princípios ativos nos tecidos musculares e articulares.

1.3. Via Intradérmica

1.3.1. Os AINES apresentam um efeito antinociceptivo localizado em sítios periféricos, devido às altas concentrações da droga nesses locais.

2. CLASSIFICAÇÃO

2.1. Derivados Coxibes

2.1.1. Menores índices de reações adversas gastrointestinais e maior risco cardiovascular.

2.2. Derivados do ácido enólico

2.2.1. Inibidor não-seletivo da COX Modesta seletividade para COX-2

2.3. Salicilato

2.3.1. Alivio de dor de baixa intensidade, antipiréticos, efeito sobre o gastrointestinal.

2.4. ácido acetilsalicílico

2.4.1. propriedade de baixar a febre (antitérmico), aliviar a dor (analgésico) e reduzir a inflamação (antiinflamatório).

3. EFEITOS ADVERSOS

3.1. Podem causar náuseas, dor abdominal e úlcera gástrica. Podem agravar problemas renais em pacientes idosos, com insuficiência cardíaca, diabéticos, dentre outros.

4. INDICAÇOES TERAPÊUTICAS

4.1. Os AINES apresentam propriedades anti-inflamatórias, anti analgésicas e antipiréticas. São as drogas de primeira escolha no tratamento de doenças reumáticas e não-reumaticas. É o principal tratamento para a dor leve e moderada, devido as suas propriedades analgésicas prolongadas e diminuem a temperatura corporal elevada sem provocar dependência química.

5. MECANISMO DE AÇÃO

5.1. São inibidores específicos da COX que se divide em COX1 e COX2. São importantes na cascata do acido araquidônico (AA), em uma substância formada a partir de lipídeos presente na membrana celular.

5.2. Em geral, os AINES inibem de forma variavel as duas isoformas da COX em suas dosagens terapêuticas.