Linguística Aplicada

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Linguística Aplicada por Mind Map: Linguística Aplicada

1. Ciência Aplicada

1.1. possui método PRÓPRIO

1.2. Ciência Pura Vs Ciência Moderna

1.2.1. "ciência pura remetia o conhecimento a priori" (A final, como funciona Linguística Aplicada, p.108)

1.2.1.1. ciência limitada

1.2.2. "ciência moldada pelas tradições racionalistas e logocêntricas européias dos séculos XVIII e XIX" (SIGNORINI, Inês, Resenha Por uma linguística crítica: linguagem, identidade e questão ética, p. 383)

1.3. o termo surge na língua inglesa em "1817 na Inglaterra em uma obra publicada Discurso sobre o método, escrito por Samuel Coleridge" (A final, como funciona LA, p. 108)

2. Interdisciplinar

2.1. Sociologia, Filosofia, Antropologia, Psicologia etc

3. Transdisciplinar

3.1. ramificação de Linguística, Análise da Conversação, Sociolinguística, Análise do Discurso etc

4. Objetivos

4.1. ter capacidade de "explicar e otimizar as relações humanas através da linguagem" (FILHO, J.C.P, Maneiras de compreender Linguística Aplicada)

4.1.1. execução de princípios, métodos das investigações teóricas sobre as línguas e preocupa-se em encontrar uma solução de problemas educacionais e sócio-culturais

4.1.2. empenha-se procurar soluções para os problemas sistemáticos e questões reais de uso de linguagem e no Brasil essa preocupação surgiu recententemente.

5. Ensino/Aprendizagem

5.1. Primeiros anos no estudo, a LA era restrita ao ensino de línguas

5.2. Ensino de línguas

5.2.1. tratamento compreensível do ensino de língua estrangeira sob um ponto de vista de linguagem-discurso e preocupa-se com a seleção de métodos de ensino e na elaboração de material didático

6. Crítica

6.1. atitude reflexiva e indagadora diante dos acontecimentos da vida

6.2. "voltada para questões práticas" (SIGNORINI, Inês, apud, Rajagopalan, p. 382)

6.3. problematização de conceitos estabelecidos de linguagem e de identidade

6.3.1. remete a questão ética e a extensão ideológica inconsciente da discussão que o autor propõe

7. Objeto de estudo

7.1. "problema real de uso e linguagem colocado na prático dentro ou fora do contexto escolar" (FILHO, J. P. C., Maneiras de compreender Linguística Aplicada)

8. entedimento social

8.1. Moita Lopes possui a concepção de discordar a atividade de renarrar/ reescrever vida social, tendo finalidade e compreensão com uma ligação direta a finalidade de entender (ROCHA, Décio, DAHER, Del Carmen. A final, como funciona a Linguística Aplicada)

8.2. produção do saber

8.2.1. prática social

8.3. globalização

8.3.1. consequências para o cidadão comum da língua quanto para o linguista e a meditação sobre a língua

8.3.2. "fator determinante tanto da reviravolta nos padrões tradicionais de conceituação da identidade e dos graus de 'autenticidade'" (SIGNORINI, Inês. Resenha Por uma linguística crítica: linguagem, identidade e questão ética, p. 381)

8.4. política linguística

8.4.1. segregação e distanciamento entre sujeito e objeto, teoria e execução, ou seja, a prática, importância objetiva e importância existencial