Comércio Internacional e Logística

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Comércio Internacional e Logística por Mind Map: Comércio Internacional e Logística

1. Perfil do Profissional de Logística Internacional.

1.1. Graduação em Logística/Administração/Economia

1.2. Língua-Inglês+Espanhol.

1.3. Pós ou MBA na área de conhecimento.

1.4. Atualização constante e ser uma pessoa curiosa e com senso de urgência.

2. Globalização.

2.1. Processo de globalização-Forças.

2.2. Políticas governamentais.

2.3. Processo tecnológico.

3. As Principais Características e Consequências da Globalização.

3.1. A globalização não pode ser ignorada e nem retardada.

3.2. Tecnologia e transporte são áreas independentes.

3.3. O isolamento tecnológico pode custar o país que o adota.

4. Implicações da Globalização.

4.1. A globalização implica em políticas mais consistentes que possibilitem maior confiança do mercado internacional.

4.2. A integração da economia mundial tem custos sociais e econômicos tendo em vista a exposição do mercado interno e concorrência internacional.

4.3. A exposição do mercado interno permite verificar as disparidades entre os países que conseguem crescer em um ambiente competitivo e aberto.

5. Comércio Exterior Brasileiro

5.1. Brasil importa máquinas,carros,etc

5.2. Brasil exporta minérios,soja,etc.

6. Oportunidades e Desafios da Globalização para o Brasil.

6.1. Reverter o isolamento dos últimos anos ou o estigma de país primário exportador e aproveitar as oportunidades que surgirem por conta da globalização para acelerar seu crescimento econômico.

6.2. Investimento estrangeiro direto e a ampliação do acesso ao mercado externo dada a propensão das empresas que aqui estão se instalando são vantagens competitivas que devem ser aproveitadas juntamente com os BRIC'S.

7. Teorias do Comércio Internacional

7.1. Adam Smith-Teoria das Vantagens Absolutas.

7.1.1. Teólogo do Liberalismo Econômico e pai da Economia Moderna.

7.1.2. A abertura do mercado para o comércio internacional traz grandes vantagens competitivas para ambos, contribuindo para a geração de riqueza.

7.2. Obra: Uma investigação sobre a natureza e causa da riqueza das nações,publicada em 1776. Que demonstra que a riqueza das nações era resultado da atuação de indivíduos que, movidos apenas pelos próprios interesses,promoviam a inovação tecnológica e o crescimento econômico.

7.3. David Ricardo-Princípio das Vantagens Comparativas ou Relativas.

7.3.1. Descreve que o país exporte os produtos com custo de oportunidade relativamente mais baixo que o seu próprio país e importe os produtos que tenham custo de oportunidade mais alto que o seu próprio país.

7.3.2. Os países farão comércio quando apresentarem diferentes custos relativos à mão de obra dos produtos produzidos entre suas nações.

7.3.3. Um país irá se especializar em fabricar produtos,cujo custo de mão de obra seja mais barato.

7.3.4. As trocas mercantis de produtos em termos de vantagem comparativa beneficiarão as duas nações.

7.4. Heckscher-Ohlin-Samuelson

7.4.1. 1919-Dois Economistas.

7.4.2. África X Europa na produção de tecidos e vinhos. Wassily Leontief, o estudo denominado Paradoxo de Leontief.

7.4.3. Comércio Intraindustrial.

7.4.3.1. Uma nação vai produzir e exportar determinados produtos que ela tem em abundância e importar os que ela não tem.

7.5. Staffan Burenstam Linder.

7.5.1. Teoria da Sobreposição dos Produtos-1966. Nova Teoria do Comércio Internacional-Comércio entre países ricos e pobres(Norte-Sul).

7.5.2. Renda Per Capita- Com o aumento tecnológico(inovação e qualidade do produto) e o uso de manufaturas semelhantes, a consequência é o aumento da renda da população.