Funções inorgânicas

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Funções inorgânicas por Mind Map: Funções inorgânicas

1. Ácidos

1.1. Classificações

1.1.1. Possui Oxigênio ou não

1.1.1.1. Hidrácidos

1.1.1.1.1. Força: Todos da família 7A são fortes, exceto Flúor (ele é moderado)

1.1.1.1.2. Nome: Pega elemento que vem depois do H, e coloca ÍDRICO

1.1.1.2. Oxiácidos

1.1.1.2.1. Nomenclatura

1.1.1.2.2. Força: Nº de O- Nº de H

1.1.2. Número de H+ liberados em solução aquosa

1.1.3. Grau de ionização (força)

1.1.3.1. Relação entre o número de moléculas ionizadas e o número inicial de moléculas

1.1.3.1.1. Maior que 50%, forte

1.1.3.1.2. Entre 5 e 50%, moderados

1.1.3.1.3. Menor que 5%, fracos

1.2. Características principais

1.2.1. Composto molecular

1.2.2. Em solução aquosa, IONIZA

2. Bases

2.1. Características principais

2.1.1. Em solução aquosa, DISSOCIA liberando OH-

2.1.2. Composto iônico

2.1.3. Para saber a fórmula, usa-se fórmula unitária (Não esquecer os parênteses no OH ao cruzar)

2.2. Classificações

2.2.1. Solubilidade em água

2.2.1.1. Família 1A: solúveis Ca/Sr/Ba: parcialmente solúveis Resto: insolúveis

2.2.2. Força

2.2.2.1. Quanto mais OH- libera (ao sofrer dissociação), mais forte é

2.2.2.2. Família 1A: fortes Ca/Sr/Ba: moderados Resto: fraco

2.3. Nomenclatura

2.3.1. Número de hidroxilas liberadas ao sofrer dissociação

2.3.2. NOX fixo ou variável (carga fixa ou variável)

2.3.2.1. NOX variável: Hidróxido de "nome do elemento"+NOX do metal em número romano

2.3.2.2. NOX fixo: Hidróxido de "Nome do metal"

3. Reações

3.1. Síntese (ou adição)

3.1.1. São aquelas nas quais um produto é formado pela união de dois ou mais reagentes.

3.1.2. Total (parte de substâncias simples) ou parcial (parte de substâncias compostas)

3.2. Decomposição (ou análise)

3.2.1. É o contrário da reação de síntese, pois um único reagente se decompõe, originando dois ou mais produtos.

3.2.2. Há certos tipos de reações de decomposição especiais, que recebem nomes específicos, de acordo com o processo de decomposição:

3.2.2.1. Pirólise: ocasionada pelo calor

3.2.2.2. Eletrólise: ocasionada pela eletricidade

3.2.2.3. Fotólise: ocasionada pela luz

3.3. De neutralização (ÁCIDO+BASE→ SAL+ H2O)

3.3.1. Parcial

3.3.1.1. Caso não seja possível alterar o número de moléculas

3.3.1.1.1. Se sobrar H+: Hidrogenossal

3.3.1.1.2. Se sobrar OH-: Hidroxissal

3.3.2. Total

3.3.2.1. Para equilibrar, apenas mude o número de moléculas para que o Nº de H+ seja igual ao Nº de OH-

3.4. Simples troca (ou oxirredução, ou deslocamento ou substituição)

3.4.1. Uma substância simples reage com uma substância composta, originando uma nova substância simples e outra composta.

3.5. Dupla troca (ou metátese, ou substituição)

3.5.1. Duas substâncias compostas reagem entre si, trocando seus componentes e dando origem a duas novas substâncias compostas

4. Óxidos

4.1. Básicos

4.1.1. Se reagir com água, gera base

4.1.2. Se reagir com ácido, gera sal+água

4.2. Ácidos (Anidridos)

4.2.1. Se reagir com base, gera sal+água

4.2.2. Se reagir com água, gera ácido

4.3. Anfóteros

4.3.1. Se comportam como óxidos ácidos ou óxidos básicos, em determinados momentos

4.3.1.1. Ao reagir com ácido forte, gera água+sal

4.3.1.2. Ao reagir com base forte, gera água+sal

4.4. Neutros

4.4.1. Não reagem com água, nem bases e nem com ácidos

4.5. Superóxidos

4.5.1. Reagem com água ou ácido e formam sempre peróxido de hidrogênio

4.6. Duplos (ou mistos, ou salinos)

4.6.1. Formados por dois óxidos do mesmo elemento

4.6.2. Reagem com ácido ou base, eles formam dois sais e a molécula de água como produtos

4.7. Peróxidos

4.7.1. Ligação de O com O, com NOX DE -1

4.7.2. Peróxidos iônicos

4.7.2.1. Ao reagir com ácidos, gera sal

4.7.2.2. Ao reagir com água, gera base