Métodos Científicos

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Métodos Científicos por Mind Map: Métodos Científicos

1. INDUTIVO:

1.1. Conclusões prováveis

1.2. Fases (p. 84)

1.2.1. Observação dos fenômenos

1.2.2. Descoberta da relação entre eles

1.2.3. Generalização da relação

1.3. Acidental e essencial (pg. 85)

1.4. "O determinismo da natureza é um problema propriamente filosófico" (p. 85)

1.5. Formas (p. 86)

1.5.1. Completa ou formal

1.5.1.1. Estéril

1.5.2. Incompleta ou científica

1.5.2.1. "Casos particulares devem ser provados na quantidade suficiente" (p.88)

1.5.2.2. "Analisar a possibilidade de variações provocadas por circunstâncias acidentais" (p.88)

1.6. Quanto maior e quanto mais representativa a amostra, maior a força indutiva do argumento. (p.88)

1.7. Amostra (p.88)

1.7.1. Insuficiente

1.7.2. Tendenciosa

1.8. "Dois casos que não se diferem em sua natureza representativa contam simplesmente como um só caso". (p.87)

1.9. Finalidades:

1.9.1. "Desígnio de ampliar o alcance dos conhecimentos" (p. 90)

1.10. Relação entre evidência observacional e generalização científica (p.91)

1.11. Aumentam o conteúdo das premissas (p.91)

2. DEDUTIVO:

2.1. Propósito de explicar o conteúdo das premissas (p. 90)

2.2. Não há graduações intermediárias (p.90)

2.3. Sacrificam a ampliação do conteúdo para atingir certeza (p.91)

2.4. Argumentos Condicionais (p.91)

2.4.1. Afirmação do antecedente (modus ponens)

2.4.2. Negação do consequente (modus tollens)

3. HIPOTÉTICO - DEDUTIVO:

3.1. EXPECTATIVAS --> PROBLEMA -->CONJECTURAS--> FALSEAMENTO (p.94)

3.1.1. SEGUNDO POPPER

3.1.2. Dedução de consequências particulares

3.2. Homem possui imprintação (p.96)

3.3. SEGUNDO BUNGE

3.3.1. ETAPAS: (p.99)

3.3.1.1. Colocação do problema

3.3.1.2. Construção de um modelo teórico

3.3.1.3. Teste de hipóteses

3.3.1.4. Adição ou introdução das conclusões na teoria

4. DIALÉTICO:

4.1. LEIS (p.100)

4.1.1. Ação recíproca

4.1.1.1. "O fim de um processo é sempre o começo de outro" (p.101)

4.1.1.2. "Todos os aspectos da realidade prendem-se por laços necessários e recíprocos" (p.102)

4.1.2. Mudança dialética

4.1.2.1. Ponto de partida é a tese (p.103)

4.1.2.2. Autodinanamismo (p.104)

4.1.3. Passagem de quantidade à qualidade

4.1.3.1. Mudança contínua, lenta ou descontínua (p.104)

4.1.3.2. Mudança quantitativa e qualitativa (p.104)

4.1.4. Interpenetração dos contrários (p.106)

4.1.4.1. Contradição interna

4.1.4.2. Contradição inovadora

4.1.4.3. Unidade dos contrários

5. ESPECÍFICOS DAS CIÊNCIAS SOCIAIS

5.1. Método de abordagem

5.1.1. "Método e métodos situam-se em níveis distintos" (p.107)

5.2. Etapas mais concretas de investigação (p.108)

5.3. Métodos de Procedimento

5.3.1. Histórico

5.3.1.1. "Experimentação indireta" (p.109)

5.3.1.2. Utilizado em todas as fases de níveis de investigação

5.3.2. Comparativo

5.3.2.1. Respeita a totalidade solitária dos grupos (p.110)

5.3.2.2. Preenche os vazios dos fatos e acontecimentos (p.108)

5.3.3. Monográfico

5.3.4. Estatístico

5.3.4.1. Método de análise (p.111)

5.3.5. Tipológico

5.3.5.1. Fenômenos que se prestam a uma divisão (p.112)

5.3.6. Funcionalista

5.3.6.1. Funções (p.113)

5.3.6.1.1. Latentes

5.3.6.1.2. Manifestas

5.3.7. Estruturalista

5.3.7.1. Representação concebível da realidade (p.114)

5.3.8. Etnográfico

5.3.8.1. Técnica-chave: OBSERVAÇÃO (p. 115)

5.3.9. Clínico

5.3.9.1. Intervenção psicopedagógica (p.116)