Praticas Integrativas e Complementares em Saúde, uma nova eficacia para o SUS

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Praticas Integrativas e Complementares em Saúde, uma nova eficacia para o SUS por Mind Map: Praticas Integrativas e Complementares em Saúde, uma nova eficacia para o SUS

1. LUTA PELA IMPLEMENTAÇÃO

1.1. Praticas alternativas que fazem a diferença.

1.2. Promover saúde

2. PROGRAMA MEDICINA TRADICIONAL

2.1. Mecanismos naturais de prevenção de agravos.

2.2. Recuperação de saúde (métodos eficazes/seguros).

2.3. Promoção do cuidado humano (autocuidado).

3. MEDICINA OCIDENTAL

3.1. Inclui procedimentos da medicina tradicional/Oriente.

3.2. Pesquisadores tentam comprovar cientificamente.

3.3. Consideram somente o que pode ser visto, sentido e medido matematicamente pelo homem.

4. SAÚDE

4.1. Inflexões socioeconômicas, políticas e ideológicas.

4.2. Abrangência multidisciplinar e estratégica.

4.3. Com o conhecimento assim pode-se agir de forma imediata (intervenção).

5. MEDICINA ORIENTAL

5.1. Toda doença é decorrente de um desiquilíbrio.

5.2. Interagem forças naturais(materiais) e cosmológicas(imateriais).

5.3. Visto como uma ruptura de harmonia biológica, social e cósmica.

6. DUAS CORRENTES

6.1. Construirá um novo modelo de representação das ações no campo de saúde.

6.2. Trabalhar com as Praticas leva a promoção de ações intersetoriais e interdisciplinares.

7. PROGRAMA AMBIENTES VERDES E SAUDÁVEIS

7.1. Busca proteção do meio ambiente e da vida.

7.2. A ideia foi implementar ações intersetoriais para a proteção ambiental, que em curto prazo, teria reflexos positivos sobre a saúde da população.

7.3. Secretária da Saúde, Secretária do Verde e Meio Ambiente e Secretária Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social.

7.4. O Programa desenvolve projetos junto com as Unidades Básicas de Saúde.