Ondas e Fenômenos Ondulatórios

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Ondas e Fenômenos Ondulatórios por Mind Map: Ondas e Fenômenos Ondulatórios

1. Reflexão é o processo em que uma onda atinge uma barreira, e retorna ao meio em que estava, pois cada ponto da barreira torna-se uma fonte de onda secundária, e suas características permanecem as mesmas, ou seja, velocidade, comprimento e frequência não alteram-se. No caso da Refração, após o encontro com a barreira, a onda propaga-se com características diferentes, chamadas de ondas refratadas.

2. Ondas Mecânicas necessitam de meios materiais para se propagar, nesse processo, existe um ponto de equilíbrio, onde uma porção do meio oscila ao seu entorno. São exemplos desse tipo de onda: ondas na superfície de água, e ondas sonoras. Esse tipo de onda não se propaga no vácuo.

3. O que são Ondas?

4. Onda é uma pertubação periódica de alguma grandeza física que se propaga.

5. Ondas Unidimensionais são determinadas de acordo com a coordenada da direção da pertubação. Já as Ondas Bidimensionais apresentam dois eixos e as Tridimensionais caracterizam-se por possuírem três eixos.

6. Princípio de Huygens

7. No século XVII, Christian Huygens elaborou o Tratado da Luz, analise de uma construção gráfica sobre a propagação de frentes de onda, esse estudo tem o enunciado "cada ponto de uma frente de onda comporta-se, e pode ser considerado, como uma nova fonte de ondas secundárias que se propaga em todas as direções, mantendo as mesmas características da onda inicial. A linha ou superfície que tangencia todas as ondas secundárias produzidas representa a frente de uma onda num instante posterior.

8. Fenômenos Ondulatórios estão ligados á Reflexão e á Refração.

9. Difração de Ondas: esse processo é a propriedade que uma onda possui de contornar um obstáculo ou fenda, alcançando uma região que não poderia ser atingida se a propagação dessa onda fosse retilínea. O efeito causado pela difração esta diretamente ligado ao comprimento de onda da onda incidente a ao tamanho do obstáculo a ser superado, ambos precisam ter a mesma ordem de grandeza.

10. Polarização de Ondas

11. Ondas Polarizadas apresentam a oscilação ou vibração em um mesmo plano numa única direção perpendicular á direção de propagação. Caso ocorra diferente disso, essa onda então, não esta polarizada. Existem aparelhos utilizados para polarizar uma onda, os chamados Polarizadores, caso uma onda passe por esses aparelhos, começando a vibrar somente em um plano, então essa onda não é polarizada. A polarização acontece apenas em ondas transversais.

12. Interferência de Ondas

13. Propagações são caracterizadas especialmente pelo transporte de energia, sem o transporte de matéria.

14. Ondas Mecânicas X Ondas eletromagnéticas

15. Ondas Eletromagnéticas não dependem do meio para se propagar. Exemplos para esse tipo de onda podem ser dados com as ondas de luz visível, infravermelhas, ondas de rádio e raios x.

16. A classificação dessas ondas relaciona-se de acordo com a direção de vibração da pertubação em questão á direção de propagação da onda.

17. Ondas Transversais apresentam o deslocamento do meio elástico perpendicular á direção de propagação da onda.

18. Ondas Longitudinais apresentam o deslocamento do meio elástico na mesma direção de propagação da onda.

18.1. Ondas Transversais e Longitudinais

19. Este é um dos fenômenos mais importantes da Ondulatória. Para explica-lo recorreremos ao que chamamos de Princípio de Superposição, que é basicamente o comportamento que cria uma interferência. E ainda existem dois tipos de interferências, a construtiva e a destrutiva, que respectivamente significam o aumento ou a diminuição de uma interferência.

20. Interferência Em Duas Dimensões: Ocorre quando estão presentes os dois tipos de Interferência, a construtiva e a destrutiva em um mesmo processo de ondas.

21. Interferência de Ondas Luminosas: Neste fenômeno encontram-se as denominadas Franjas de Interferência, divididas em Franjas Escuras e Franjas Claras, onde respectivamente tem-se a interferência destrutiva e construtiva.

22. Ressonância: Esse processo acontece quando um corpo recebe energia qual a frequência é igual a sua frequência natural, provocando uma sensação de fortalecimento do som.

23. Interferência em uma Dimensão: Onda Estacionária - Existe um processo em que pertubações da fonte e reflexos dessas pertubações sofrem um tipo de interferência, chamado de Onda Estacionária. Ou seja, este fenômeno interfere no curso de uma pulsação, fazendo com que a mesma realize um MHS (Movimento Harmônico Simples).

24. Elementos de Uma Onda

25. Comprimento de Onda diz respeito ao aspecto espacial e Frequência relaciona-se com o tempo.

26. Frente de Onda

27. É um conjunto de pontos que possuem a mesma fase em um movimento ondulatório. Podemos classificar a direção de três formas: Ondas Unidimensionais, Ondas Bidimensionais e Ondas Tridimensionais.