A1 - Farmacologia

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
A1 - Farmacologia por Mind Map: A1 - Farmacologia

1. Partição no tecido adiposo: - gordura representa um local de acúmulo para fármacos (lipossolúveis) - baixo suprimento sanguíneo

1.1. Fatores que influenciam a biodisponibilidade: - biotransformação hepática de primeira passagem - solubilidade do fármaco - características físico-químicas do fármaco

1.2. drogas mais hidrossolúveis

1.2.1. Fatores que influenciam a ligação do fármaco às proteínas plasmáticas: - concentração de fármaco livre - afinidade pelos sítios de ligação - concentração de proteínas

1.2.1.1. Barreira hematoencefálica: proteção do SNC de substâncias químicas (cérebro é inacessível a maioria dos fármacos)

1.3. drogas mais lipossolúveis

2. A velocidade de transporte de substâncias através de uma membrana depende: - espessura e composição da membrana; - características do fármaco (tamanho, forma molecular e coeficiente de partição de lipídio - pH do meio onde se encontra

3. fatores que afetam a distribuição: - lipossolubilidade - perfusão - ligação às proteínas plasmáticas - afinidade por tecidos

4. Vias de administração

4.1. Uso interno

4.1.1. via oral

4.1.1.1. absorvidos na mucosa gastrointestinal

4.1.1.1.1. biodisponibilidade menor do que a quantidade administrada

4.1.2. via sublingual

4.1.2.1. absorvidos nos pequenos vasos sanguíneos da mucosa oral

4.1.2.1.1. escapa do mecanismo de primeira passagem

4.2. uso parental

4.2.1. fármaco administrado sob a pele

4.2.2. Uso externo

4.2.2.1. via dérmica ou transdérmica

4.2.2.1.1. destinada à aplicação no reto, produzindo efeito sistêmico ou local para tratamento de afecções intestinais

4.2.2.1.2. fármaco administrado por difusão através da camada dérmica da pele para a circulação sistêmica

4.2.2.2. fármaco administrado diretamente na veia

4.2.2.3. via retal

4.2.2.4. fármaco administrado diretamente no músculo

4.2.2.4.1. produz efeito mais rápido que a oral

4.2.2.5. via inalatória

4.2.2.5.1. fármaco administrado através do sistema respiratório nasal ou oral

4.2.3. via intravenosa

4.2.4. via intramuscular

4.2.4.1. fármaco administrado dentro da derme

4.2.4.1.1. 100% de biodisponibilidade mais rápida e confiável

4.2.5. via subcutânea

4.2.6. via intradérmica

4.2.7. produz efeito mais rápido que o oral

5. Farmacocinética

5.1. Absorção

5.1.1. difusão passiva: espontânea (a favor do gradiente)

5.1.2. difusão facilitada: transportadores (sem gasto de energia)

5.2. pinocitose (líquidos)

5.3. Biodisponibilidade

5.3.1. transporte ativo: transportadores, fluxo contra gradiente (envolve gasto de energia)

5.3.1.1. fagocitose (sólidos)

5.4. Distribuição

5.5. Biotransformação

5.6. Excreção