Farmacodinâmica

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Farmacodinâmica por Mind Map: Farmacodinâmica

1. estuda os mecanismos de ação dos fármacos e seus efeitos no organismo

2. Formação do complexo fármaco-receptor

2.1. teoria da ocupação

3. Relação dose - efeito

3.1. efeito platô

3.2. afinidade pelo receptor

3.3. afinidade intrínseca

3.4. eficácia relativa

3.5. potência relatva

4. Interação fármaco-receptor

4.1. receptores

4.2. especificidade do agente terapêutico

4.3. caracterização dos receptores

4.3.1. receptores ligados a membrana celular

4.3.1.1. receptores ligados a canais de íons

4.3.1.2. receptores associados a proteína G

4.3.1.2.1. Gs

4.3.1.2.2. Gq

4.3.1.2.3. Gi

4.3.1.3. receptores associados a enzimas

4.3.2. receptores intracelulares

5. Especificidade do fármaco

6. Agonista

6.1. substâncias que se ligam no receptor e induzem resposta

6.1.1. agonistas totais

6.1.2. agonistas parciais

7. Antagonista

7.1. substâncias que se ligam no receptor, mas não induzem resposta

7.1.1. antagonistas competitivos

7.1.2. antagonista não competitivo

7.1.3. antagonismo por agonismo parcial

7.1.4. antagonismo químico

7.1.5. antagonismo farmacocinético

8. Dose letal e Dose eficaz

8.1. dose eficaz

8.1.1. capaz de produzir efeitos benéficos

8.2. dose eficaz mediana

8.2.1. dose necessária p/ produzir efeito desejado em 50% dos indivíduos

8.3. dose letal

8.3.1. aquela capaz de matar

8.4. dose letal mediana

8.4.1. capaz de matar 50% dos indivíduos

8.5. dose tóxica mediana

8.5.1. quando o efeito não é a morte

9. Índice terapêutico

9.1. DL50 / DE50

9.1.1. segurança clínica

10. Janela terapêutica

10.1. faixa entre dose eficaz mínima e dose máxima permitida