BACILLUS CEREUS

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
BACILLUS CEREUS por Mind Map: BACILLUS CEREUS

1. Gênero Bacillus (Bacillus, Sporolactobacillus, Clostridium e Desulfotomaculum) e família Bacillaceae

2. Bactéria ubíqua; Forma de bastão; Gram-positiva; Aeróbica facultativa; Móvel

2.1. forma de bast

3. Forma esporos esféricos na presença de O2

4. Cresce em ambientes com 28 a 35°C

5. Tempo de geração no organismo humano: 18 a 27 min

6. Ph de 4,9 a 9,3; Concentrações salinas de até 7,5%

7. Transmissão: vegetação, alimentos, produtos lácteos, carnes, especiarias e cereais

8. Síndrome emética - náuseas e vômitos (1 a 5h após contaminação); Síndrome diarréica - dores abdominais, diarréia aquosa profusa, náuseas e vómitos (8 a 16 h)

9. Adere à superfícies de aço inoxidável de lácteos e forma biofilmes

10. Produz 7 toxinas divididas em 4 grupos: enterotoxinas, hemolisinas (cereolisina e hemolisina II), fosfolipase C (fosfatidilinositol hidrolase, fosfatidilcolina hidrolase e esfingomielinase) e a toxina emética

11. Testes para identificar toxinas: 1)Testes de alça ligada de coelho; 2)Reação de permeabilidade vascular; 3)Teste ELIZA; 4)Látex Reversa Passiva (RPLA); 5)Cromatografia gasosa; 6) PCR (Reação em Cadeia de Polimerase)

12. ISOLAMENTO E IDENTIFICAÇÃO: A semelhança com os grupos B. thuringiencis e B. mycoides dificulta; Meio de ágar seletivo; Alimentos homogeneizados em água tamponada com fosfato de Butterfield; Composto polimixina inibe o crescimento de outros microrganismos;

13. Análises bioquimicas: Método de Gram; teste da catalase; hidróxido de potássio a 3,0%, fermentação da glicose; redução do nitrato e motilidade em ágar, teste de VogesProskauer

14. Tratamentos eficazes: Cozimento em vapor sob pressão; Fritar e assar em forno a temperaturas superiores a 100 °C; Controle do crescimento de células através da temperatura, atividade de água, pH e combinação destes

15. Recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS): 1) Escolher alimentos processados de forma higiênica; 2) Cozinhar bem os alimentos; 3) Consumir imediatamente os alimentos cozidos; 4) Armazenar os alimentos cozidos fora da temperatura de risco; 5) Reaquecer suficientemente os alimentos cozidos; 6) Evitar o contato entre os alimentos crus e cozidos; 7) Lavar as mãos frequentemente; 8) Manter criteriosamente limpas todas as superfícies da cozinha; 9) Manter os alimentos fora do alcance de insetos, roedores e outros animais; 10) Utilizar água potável