Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Alotropia por Mind Map: Alotropia

1. A diferença entre essas variedades alotrópicas pode ocorrer por dois motivos principais.

1.1. As variedades alotrópicas podem resultar de duas situações. Uma deles se refere à quantidade de átomos presentes nas moléculas, a outra, do arranjo da sua estrutura, ou seja, na forma como os átomos se dispõem geometricamente. Ou então pela estrutura cristalina.

2. A alotropia, também conhecida como propriedade alotrópica, é uma característica inerente a alguns elementos químicos de formar, por meio de ligações covalentes, havendo compartilhamento de elétrons, uma ou mais substâncias puras diferentes.

3. ALOTROPIA DO ENXOFRE:

4. O enxofre possui várias formas alotrópicas (S2, S4, S6). Dentre as mesmas se destacam o enxofre ortorrômbico, ou rômbico, e o enxofre monoclínico, ambas representadas por S8, mas agrupadas de formas diferentes.

5. A alotropia do enxofre decorre da organização atômica, ou seja, a forma como os átomos se dispõem geometricamente.

6. ALOTROPIA DO CARBONO:

7. Os alótropos de carbono mais comuns são o grafite e o diamante, mas há outros alótropos de carbono. São exemplos fulereno, nanotubo de carbono e diamante lonsdaleíta.

8. A alotropia do carbono decorre da organização atômica, ou seja, a forma como os átomos se dispõem geometricamente.

9. ALOTROPIA DO OXIGÊNIO:

10. O oxigênio forma dois alótropos: o gás oxigênio (O2) e o gás ozônio (O3).

11. Pelo fato de ser formado de átomos de oxigênio em número de dois a dois, formam moléculas biatômicas. Quanto aos átomos de ozônio, eles se unem de três em três, formando moléculas triatômicas.

12. ALOTROPIA DO FÓSFORO:

13. As formas de alotropia do fósforo mais conhecidas são o fósforo vermelho e o fósforo branco.

14. Enquanto o fósforo vermelho não tem uma estrutura definida (Pn), o fósforo branco é formado pela estrutura tetraédrica, ou seja, por quatro átomos de fósforo (P4).