MEMBRANA PLASMÁTICA

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
MEMBRANA PLASMÁTICA por Mind Map: MEMBRANA PLASMÁTICA

1. O QUE É

1.1. É uma estrutura que delimita todas as células vivas, tanto as procarióticas como as eucarióticas. Ela estabelece a fronteira entre o meio intracelular, o citoplasma, e o ambiente extracelular, que pode ser a matriz dos diversos tecidos.

2. Características

2.1. É uma estrutura constituída basicamente de uma bicamada de fósforo lipídios com proteínas inseridas nessa camada. Na superfície externa da membrana plasmática observa-se a presença de uma região mal delimitada denominada de Glicocálice. As proteínas presente na estrutura da membrana plasmática, desempenha uma série de funções importantes para a célula, estando relacionada por exemplo com transporte de substâncias, comunicação entre células vizinhas e atividades enzimáticas

3. Funções

3.1. Tanto em células procarióticas quanto em células eucarióticas elas desempenha várias funções essenciais para manutenção dessas estruturas, entre as principais funções, estão: - Definir os limites das células -Garantir proteção das estruturas das células. -Permitir que as diferenças entre o meio externo e o meio interno sejam mantidas. -Selecionar o que entra e o que sai da célula em virtude da capacidade de selecionar as substâncias dizemos que a membrana plasmática apresenta permeabilidade seletiva.

4. Compostos

4.1. Constituídas basicamente por fosfolipídios, proteínas e glicídios.

5. O transporte passivo é a passagem de uma substância através da membrana plasmática de uma região onde ela está mais concentrada para uma onde está menos concentrada, sem gasto de energia. Existem três tipos de transporte passivo pela membrana celular: a difusão simples, a difusão facilitada e a osmose.

5.1. Difusão Simples: Ocorre com o movimento de partículas de um meio onde estão mais concentradas para um onde estão menos concentradas. No entanto, essas substâncias devem ser pequenas o suficiente para atravessar a membrana, e a membrana deve ser permeável a elas. É assim que acontece geralmente a difusão de gases, como o oxigênio e o gás carbônico.

5.2. Difusão Facilitada: Ocorre a ação de algumas proteínas que atuam trasportando a substância através da membrana. Diferentemente das proteínas da difusão facilitada, essas proteínas mudam a sua configuração e reconhecem a substância a ser transportada como em um mecanismo de “chave e fechadura”. Nesse mecanismo, ocorre a difusão de substâncias como aminoácidos e monossacarídios.

5.3. Na osmose, ocorre a difusão das moléculas de água (solvente) para o meio onde há maior concentração de solutos. Uma pressão atua equilibrando a entrada de água na célula dependendo da quantidade de soluto ali presente, denominada de pressão osmótica.