Variação linguística

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Variação linguística por Mind Map: Variação linguística

1. Também chamada de variação contextual ou de registro, essa variação se manifesta nas diferentes situações comunicativas no nosso dia-a-dia. Em contextos socioculturais que exigem maior formalidade, usamos uma linguagem mais cuidada e elaborada – o registro formal; em situações familiares e informais, usamos uma linguagem coloquial – o registro informal.

2. Também chamada de variação regional ou diatópica (do grego dia = através de; topos = lugar), a variação geográfica tem a ver com as diferenças linguísticas observáveis entre falantes oriundos de regiões distintas de um mesmo país ou oriundos de diferentes países.

3. EXEMPLO“Mandioca”, “aipim” ou “macaxeira”? Os três nomes estão corretos, mas, dependendo da região do Brasil, você ouvirá com mais frequência um ou outro. O mesmo vale para a polêmica disputa entre “biscoito” e “bolacha”, que se estende para todo o território nacional.-

4. Refere-se aos estágios de desenvolvimento de uma língua ao longo da história.

5. EXEMPLO

6. EXEMPLO A crônica, por exemplo, é um texto cujo estilo exige uso de linguagem coloquial; a dissertação, por sua vez, exige do redator um estilo de escrita mais formal.

7. EXEMPLO- Português arcaico x português contemporâneo.-

8. Essa variação (também conhecida como variação diastrática) está relacionada a fatores concernentes à organização socioeconômica e cultural da comunidade. Entram em jogo fatores como a classe social, o sexo, a idade, o grau de escolaridade, a profissão do indivíduo.

9. regional

10. sociocultural

11. estilistica

12. TIPOS- REGIONAIS (diatópicas), SOCIAIS (diastráticas), HISTÓRICAS (diacrônicas) ESTILISITICAS (diafásicas).

13. histórica