Trabalho e Educação: Fundamentos ontológicos e Históricos

Trabalho e Educação: Fundamentos ontológicos e Históricos

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Trabalho e Educação: Fundamentos ontológicos e Históricos por Mind Map: Trabalho e Educação: Fundamentos ontológicos e Históricos

1. Relação Trabalho-educação

1.1. Atividade Humanas: o ser Humano Trabalha e Educa

1.1.1. O que Permite realização essa Ação?

1.1.1.1. Atributos essenciais do Homem

1.1.2. O que lhe possibilita Trabalhar e Educar?

1.1.2.1. Pensar

1.1.2.2. Inteligência

1.1.2.3. Produzir seus meios de vida

1.1.2.3.1. Produz sua própria vida material

1.1.2.4. Organização Corporal

1.1.3. O que conhecemos com o Nome Trabalho

1.1.3.1. A essência do homem é trabalho

1.1.3.2. Existência humana não é garantia pela natureza

1.1.3.3. Homem não nasce sabendo

1.1.3.3.1. Necessita aprender

1.1.3.3.2. Relaciona com os demais

1.1.3.4. Aprende a Trabalhar Trabalhando

1.1.4. Relação entre trabalho e Educação?

1.1.4.1. Relação de Identidade

1.1.4.2. Educação primitiva

1.1.4.2.1. Educavam-se e Educavam as novas gerações

1.1.4.2.2. Não havia divisão de classes

1.1.4.2.3. Homem produzia sua existência

1.1.4.3. Educação

1.1.4.3.1. "Educação é vida"

1.1.5. Fundamentos Históricos

1.1.5.1. Um processo produzido e desenvolvido ao longo do tempo

1.1.5.1.1. Pela ação do próprio homem

1.1.5.2. Produto dessa ação

1.1.5.2.1. O resultado desse processo

2. Separação entre Trabalho e Educação

2.1. Trabalho

2.1.1. Essência Humana

2.1.1.1. Definida pelo trabalho

2.1.1.1.1. Sem trabalhar o homem não pode viver

2.1.2. Não é possível viver sem trabalhar

2.1.2.1. Não tem sua existência garantida pela natureza

2.1.2.1.1. Transformando-a

2.1.2.1.2. Adequando-a

2.2. Educação

2.2.1. Primeira Modalidade

2.2.1.1. Deu origem a Escola

2.2.1.1.1. Desenvolveu forma específica de Educação

2.2.1.1.2. Instituições Educativas

2.2.1.1.3. Escola Pública

2.2.2. Preparação

2.2.2.1. Futuros Dirigentes

2.2.2.2. Funções de Mando

2.2.2.3. Não havia Formação dos Trabalhadores

2.2.2.3.1. Aprendia Trabalhando

3. Questionamento da Separação e Restabelecimento dos Vínculos entre Trabalho e Educação

3.1. Relação Trabalho/Educação

3.1.1. Modo de Produção Capitalista

3.1.1.1. Economia de Mercado

3.1.1.1.1. Produção para a troca

3.1.1.2. Economia de Subsistência

3.1.1.2.1. Produzia para atender o consumo

3.1.1.2.2. Necessidade de consumo

3.1.1.3. Produção especificamente voltada para troca

3.1.1.3.1. Dando Origem a Sociedade Capitalista

3.1.1.3.2. Troca que determinava o consumo

3.1.1.3.3. Sociedade de Mercado

3.1.1.3.4. Processo Produtivo

3.1.1.4. Revolução Industrial

3.1.1.4.1. Maquinas

3.1.1.4.2. Reorganização das relações Sociais

3.1.1.4.3. Revolução Educacional

3.1.1.4.4. Instrução

3.1.1.4.5. Educação

4. Organização do Sistema de Ensino com Base no Princípio Educativo do Trabalho

4.1. Sistemas de Ensino

4.1.1. Educação Básica

4.1.1.1. Nível Fundamental

4.1.1.1.1. Relação entre Trabalho e Educação

4.1.1.1.2. Educação Implícita e Indireta

4.1.1.2. Linguagem, escrita e a matemática

4.1.1.2.1. Aprender a Ler, Escrever e Contar

4.1.1.3. Ciências Naturais

4.1.1.3.1. Natureza e suas Leis

4.1.1.4. Formas que se organizam

4.1.1.5. Ciências Sociais

4.1.1.5.1. Relações entre o homem

4.1.1.5.2. Direitos e deveres

4.1.1.5.3. História e Geografia

4.1.2. Nível Médio

4.1.2.1. Explicitar como o Conhecimento

4.1.2.1.1. Contribuir para o processo de Trabalho

4.1.2.2. Oficinas

4.1.2.2.1. Processos Práticos

4.1.2.2.2. Técnicas Diversificadas

4.1.2.3. Formação de Técnicos

4.1.2.4. Formação de Politécnicos

4.1.2.4.1. Especialistas

4.1.3. Nível Superior

4.1.3.1. Formar Profissionais

4.1.3.2. Organizar a Cultura Superior

4.1.3.3. Discutir problemas que afetam toda a sociedade

5. A Controvérsia relativa à Educação Politécnica

5.1. Educação Politécnica

5.1.1. Escola

5.1.1.1. Matérias de Cultura Gerais

5.1.1.1.1. Matemática

5.1.1.1.2. Física

5.1.1.1.3. Química

5.1.1.1.4. Biologia

5.1.1.1.5. Geografia

5.1.1.1.6. Desenho Técnico

5.1.2. Trabalho

5.1.2.1. Ensino do Trabalho

5.1.3. União entre formação Intelectual e Trabalho produtivo

5.1.4. Politecnicismo

5.1.4.1. Diversidade para diversos Trabalhos

5.1.5. Tecnologia

5.1.5.1. União entre teoria e prática

5.1.6. Escolas de Ensino Profissional

5.1.7. Tradição Socialista

5.1.8. Processos Essenciais

5.1.8.1. Produção Moderna

5.1.8.2. Produção de Emprego