PRODUÇÃO DE RECURSOS TECNOLÓGICOS EDUCACIONAIS

Atividade desenvolvida para curso Mercado EAd

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
PRODUÇÃO DE RECURSOS TECNOLÓGICOS EDUCACIONAIS por Mind Map: PRODUÇÃO DE RECURSOS TECNOLÓGICOS EDUCACIONAIS

1. RECURSOS TECNOLÓGICOS EDUCACIONAIS

1.1. Vídeos

1.2. Snacks

1.3. Infográficos

1.4. Podcasts

2. FUNÇÃO EDUCATIVA, APLICAÇÃO METODOLÓGICA

2.1. O professor deve planejar qual a estratégia que utilizará para repassar o conteúdo e, por fim, decidir o tipo de avaliação.

2.2. O professor pode selecionar ou criar um vídeo ou um podcast e disponibilizar o conteúdo ao aluno por meio de uma plataforma, antes da aula Durante a aula, professor utiliza o tempo para discutir o que foi observado pelos estudantes, trabalhando apenas na fixação do conteúdo e das questões.

2.3. Escolha plataformas de streaming que possuam área específica para vídeos educativos, que tiveram uma curadoria realizada por parte de instituições renomadas.

3. TÉCNICAS DE PRODUÇÃO ADEQUADAS ÀAPRENDIZAGEM DIGITAL

3.1. Produção de conteúdo escrito

3.1.1. É o motor propulsor de um curso ou treinamento. O registro de conteúdos é base para a produção do curso. Tem caráter instrucional e deve atender determinadas demandas que permitam o desenvolvimento do ensino de forma efetiva.

3.1.2. Deve permitir a imersão do aluno, apresentar as matérias de forma atrativa, com interação, estimulando a curiosidade.

3.1.3. Incluir na escrita algumas das funcionalidades de design textual:

3.1.3.1. Uso de bullets: são listas de itens que apresentam as informações de forma sequencial ou organizadas em tópicos rápidos.

3.1.3.2. Tabelas e gráficos: Quando os assuntos textuais do conteúdo apresentam, por exemplo comparação ou análise de dados específicos, as informações devem ter um suporte visual de imagens, gráficos ou tabelas.

3.1.3.3. Cenários de ensino: criar cenários que colocam o aluno no meio do contexto ensinado favorece de forma muito significativa a aprendizagem ativa e vivencial.

3.1.3.4. Dicas, modelos e cases: Utilizar exemplos, cases e modelo é a forma mais adequada fazer com que o leitor compreenda e visualize situações do ensino. Utilize sempre que for possível cases e modelos que possam exemplificar a instrução desejada.

3.2. Técnicas básicas de produção escrita para Ead

3.2.1. Uma das principais características desse tipo de materialé a dialogicidade --> estimula o aluno para aprendizagem autônoma e favorece o desenvolvimento de novas habilidades.

3.2.2. Promove reflexões, estimula questionamentos e, provoca e instiga a aprendizagem − por meio de desafios, atividades, questionamentos.

3.2.3. Inclua questionamentos no decorrer do texto escrito.

3.2.4. O instrucional deve andar sempre junto do visual.

3.3. Técnica de produção de vídeo

3.3.1. Definir o público-alvo, conteúdos apresentados e canais para divulgação.

3.3.2. Crie um roteiro que esteja alinhado aos objetivos traçados, faça com que a informação flua de forma simples e sem rodeios.

3.3.3. Recursos técnicos (ou ferramentas físicas) como câmeras, iluminação, entre outros, de boa qualidade para realizar as gravações. Ou utilize os diversos estúdios preparados para realizar essas gravações.

3.3.4. A estratégia a ser usada no seu vídeo deve reter a atenção do seu público: vídeos de animações, palestras, documentários, entrevistas, talk shows.

3.4. Técnicas de produção de infográficos e snacks

3.4.1. Imagens, elementos gráficos, textos e ferramentas de artes: utilize Canvas, Adobe Spark, Powerpoint (possuem templates e elementos disponíveis).

3.4.2. Defina o público-alvo, os tópicos, a frequência e o período de divulgação, o objetivo e a estrutura do seu tema e a escolha de imagens ou elementos que se adequam ao seu conteúdo.

3.5. Técnicas de produção de podcast

3.5.1. Similar à criação de vídeos. Boa dicção e criar uma personalidade, que será imprescindível para o engajamento do público. Estabelecer o timbre/ tom da voz, a utilização ou não de brincadeiras, o tempo das frases e as criações e utilização de jargões.

4. METODOLOGIAS ATIVAS DIGITAIS

4.1. Associar os recursos digitais às metodologias ativas as tornam muito mais efetivas no processo de ensino e aprendizagem.

4.2. Trello - quadros - se baseia em metodologias, como o kanban, para a definição das etapas em quadros com descritivos “a fazer, fazendo e feito”(acompanhamento do aluno).

4.3. Miro - grande quadro com diversos recursos de utilização remota (reuniões, oficinas, palestras, workshops) É possível gerar mapas conceituais utilizando kanban, brainstorming, e design thinking.

4.4. Sala invertida (aplicar Edpuzzle, Kahoot e Quizlet).