ANTI-HIPERTENSIVOS

Trabalho de BMSC

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
ANTI-HIPERTENSIVOS por Mind Map: ANTI-HIPERTENSIVOS

1. DEFINIÇÃO

1.1. CLASSE DE FÁRMACOS QUE ATUAM SOBRE A PRESSÃO ARTERIAL, TENDO EFEITO SOB A RESISTÊNCIA VASCULAR SISTÉMICA E DEBITO CARDÍACO.

2. IECA

2.1. MECANISMO DE AÇÃO

2.1.1. INIBE A ECA

2.1.2. IMPEDE A CONVERÇÃO DA AN I EM AN II

2.1.3. INIBIÇÃO DA VASOCONSTRIÇÃO

2.2. MEDICAMENTOS

2.2.1. Contra-Indicado na graidez

2.2.1.1. ENALAPRIL

2.2.1.2. LISINOPRIL

2.2.1.3. RAMIPRIL

2.2.1.4. DELAPRIL

2.2.1.5. CAPTOPRIL

2.3. EFEITOS ADVERSOS

2.3.1. TOSSE SECA

3. SIMPATICOLÍTICO

3.1. AGONISTAS ALFA 2 CENTRAIS

3.1.1. MECANISMO DE AÇÃO

3.1.1.1. DIMINUIÇÃO DO ESTIMULO ADRENÉRGICO CENTRAL

3.1.2. MEDICAMENTOS

3.1.2.1. ALFAMETILDOPA

3.1.2.2. CLONIDINA

3.1.2.3. GUANABENZO

3.1.2.4. RESERPINA

3.1.3. EFEITOS ADVERSOS

3.1.3.1. SEDAÇÃO

3.1.3.2. BOCA SECA

3.1.3.3. DESÂNIMO

3.2. ALFABLOQUEADORES

3.2.1. MECANISMO DE AÇÃO

3.2.1.1. LIMITAR OS RECEPTORES A-ADRENERGICOS

3.2.2. EFEITOS ADVERSOS

3.2.2.1. TONTURA

3.2.2.2. CEFALEIA

3.2.2.3. TAQUICARDIA

3.2.3. MEDICAMENTOS

3.2.3.1. ANTAGONISTAS ALFA I SELETIVOS

3.2.3.1.1. PRAZOSINA

3.2.3.1.2. TERAZOSINA

3.2.3.1.3. DOXAZOSINA

3.2.3.2. ANTAGONISTAS ALFA II

3.2.3.2.1. LOIMBINA

3.3. BETABLOQUEADORES

3.3.1. MECANISMO DE AÇÃO

3.3.1.1. INIBE OS REPECTORES B1

3.3.2. EFEITOS ADVERSOS

3.3.2.1. BRONCOESPASMO

3.3.2.2. FADIGA

3.3.2.3. AUMENTA SINTOMAS DE HIPOGLICEMIA

3.3.3. MEDICAMENTOS

3.3.3.1. 1ª GERAÇÃO

3.3.3.1.1. PROPANOLOL

3.3.3.1.2. TIMOLOL

3.3.3.1.3. NADOLOL

3.3.3.2. 2ª GERAÇAO

3.3.3.2.1. ATENOLOL

3.3.3.2.2. BISOPROLOL

3.3.3.2.3. METOPROLOL

3.3.3.2.4. ACETUBOLOL

3.3.3.3. 3ª GERAÇÃO

3.3.3.3.1. CAVERDILOL

3.3.3.3.2. LABETALOL

4. BLOQUEADORES DO CANAL Ca++

4.1. MECANISMO DE AÇÃO

4.1.1. VASODILATAÇÃO

4.2. MEDICAMENTOS

4.2.1. FENILALQUILAMINAS

4.2.1.1. VERAPAMIL

4.2.2. DIIDROPIRIDINAS

4.2.2.1. NIFEDIPINA

4.2.2.2. AMILODIPINA

4.2.2.3. FELADIPINA

4.2.3. BENZOTIAZEPINAS

4.2.3.1. DILTIAZEM

4.3. EFEITOS ADVERSOS

4.3.1. EDEMA MALEOLAR

4.4. REDUÇÃO DA RVP

5. BRA

5.1. MECANISMO DE AÇÃO

5.1.1. INIBE OS RECEPTORES DE AT1

5.2. MEDICAMENTOS

5.2.1. LOSARTANA

5.2.2. VALSARTANA

5.2.3. OLMEOSARTANA

5.2.4. CANDESARTANA

5.2.5. IRBESARTANA

5.3. EFEITOS ADVERSOS

5.3.1. HIPOTENSÃO

5.3.2. HIPERPOTASSEMIA

6. DIURETICOS

6.1. TIAZÍDICOS

6.1.1. MECANISMO DE AÇÃO

6.1.1.1. INIBE A REABSORÇÃO DE Na+ e Cl-

6.1.2. MEDICAMENTOS

6.1.2.1. CLOROTIADONA

6.1.2.2. HIDROCLOROTIAZIDA +AMILORIDA

6.1.3. EFEITOS ADVERSOS

6.1.3.1. HIPOCALEMIA

6.1.3.2. HIPOMAGNESEMIA

6.2. DA ALÇA

6.2.1. MECANISMO DE AÇÃO

6.2.1.1. AGE NA ALÇA

6.2.1.2. INIBE Na+ Cl- e K+

6.2.2. MEDICAMENTOS

6.2.2.1. FUROSEMIDA

6.2.3. EFEITOS ADVERSOS

6.2.3.1. DISTURBIOS ELETROLITICOS

6.2.3.2. DESIDRATAÇÃO

6.3. POUPADORES DE K

6.3.1. MECANISMO DE AÇÃO

6.3.1.1. HIPERPOTASSEMIA

6.3.1.2. AUMENTO DO HORMONIO ALDOSTERONA

6.3.1.3. INIBE OS CANAIS DE Na+

6.3.2. MEDICAMENTOS

6.3.2.1. ESPIRONOLACTONA

6.3.2.2. TRIANTERENO

6.3.3. EFEITOS ADVERSOS

6.3.3.1. CEFALEIA

6.3.4. NÃO INDICADO PARA IRC E IRA

7. GRUPO