Engenharia genética

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Engenharia genética por Mind Map: Engenharia genética

1. Enzimas de restrição

1.1. Atua na proteção contra o ataque de vírus bacteriófagos.

1.1.1. Passa a ser designado como organismo geneticamente modificado.

2. Biotecnologia

2.1. Uso de organismos vivos ou parte deles, como seu DNA, para a produção de bens e serviços especialmente quando usada na agricultura, ciência dos alimentos e medicina.

2.1.1. A Biotecnologia é um tecnologia nova??

3. Plasmídios

3.1. Moléculas circulares duplas de DNA capazes de se reproduzir independentemente do DNA cromossômico.

3.1.1. Usados como veículos na técnica de inserção de genes, podem ser manipulados, sem afetar as bactérias, que continuam se reproduzindo normalmente.

4. Era moderna da genética

4.1. Surgimento das Tecnologias do DNA recombinante que permitem a identificação de fragmentos de DNA de interesse (genes) para que eles possam ser multiplicados (clonados, copiados) e adicionados ao DNA de outro organismo.

4.1.1. O organismo que recebe o gene de interesse é chamado de Organismo Geneticamente Modificado (OGM) pois, possui um novo trecho de DNA recombinante e passa a expressar a nova característica de interesse.

5. Vírus

5.1. Organismos pequenos e bastante simples que são considerados seres vivos por alguns autores e não vivos por outros.

5.1.1. A clonagem de DNA também pode ser feita por meio de vírus, já que eles também permitem que seu material genético seja manipulado e alterado sem que isso afete sua capacidade de reprodução.

6. Inserção do vetor.

6.1. Introduzir o DNA recombinante em bactérias, o que é feito mediante o uso de bactéria Agrobacterium tumefaciens, capas de inocular genes em plantas ou utilizar vírus modificados com o DNA de transgene.

6.1.1. A insulina foi a primeira proteína humana produzida por Engenharia Genética em células de bactérias a ser aprovada para uso em humanos.

7. Transgênicos

7.1. São aqueles produzidos pela engenharia genética, a partir da incorporação de genes de espécies que não se reproduziriam em condições naturais; como entre indivíduos do reino animal e vegetal.

7.1.1. Plantas Transgênicas

7.1.1.1. São plantas que contêm um ou mais genes introduzidos por meio da técnica de transformação genética. Através desta técnica, um ou mais genes são isolados bioquimicamente e inseridos numa célula.

7.1.2. Animais Transgênicos

7.1.2.1. São aqueles que tiveram seu patrimônio genético alterado com a introdução de genes de outras espécies que não a sua. Isto ocorre através da introdução de um gene de interesse no núcleo de um óvulo já fecundado.

8. Terapia gênica

8.1. A terapia gênica consiste em introduzir genes normais em pessoas que tenham o alelo causador de uma doença.

8.1.1. As pesquisas nessa área ainda são mais dirigidas para doenças relacionadas à medula óssea vermelha e ao sangue, como a imunodeficiência humana causada pela supressão de uma enzima em células sanguíneas e doenças que causam anemia grave.