PAISAGENS NATURAIS BRASILEIRAS

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
PAISAGENS NATURAIS BRASILEIRAS por Mind Map: PAISAGENS NATURAIS BRASILEIRAS

1. AMAZÔNICO

1.1. O Domínio Amazônico é marcado, em especial, pela Floresta Amazônica. Apresenta rica hidrografia, possuindo a maior bacia hidrográfica brasileira e alta atividade fluvial. Abrange cerca de 45% da área do país e é formado quase que em sua totalidade por terras baixas.

1.2. O domínio apresenta clima equatorial, com altos índices de chuvas e de umidade.

1.3. A Floresta Amazônica se estende por oito países sul-americanos: Brasil, Bolívia, Colômbia, Equador, Guiana, Guiana Francesa, Suriname e Venezuela. No entanto, grandes projetos minerais e agropecuários e ocupação humana desordenada associados à sua vegetação.

2. CERRADOS

2.1. Predomina-se no Domínio do Cerrado o clima tropical, tendo grande nível de semelhança com as savanas africanas. É uma região de maciços planaltos, terrenos sedimentares bastante desgastados pelos processos erosivos, que formam chapadas e chapadões.

2.2. Seu solo é altamente lixiviado, ou seja, tem seus minerais retirados com o fluxo das águas, e bastante ácido. Além disso, nascem no Cerrado cursos de água que escoam para muitas bacias, como do Rio Amazonas, São Francisco e Paraná.

2.3. Diversos fatores contribuíram para a devastação do Cerrado, como a mudança da capital para Brasília, a construção de grandes obras de infraestrutura e transporte, além do desmatamento e das queimadas que originaram áreas de agricultura comercial.

3. MARES MORTOS

3.1. O Domínio dos Mares de Morros se estende ao longo do litoral brasileiro, do Nordeste ao Sul, adentrando com maior intensidade na região Sudeste. Associa-se a planaltos e suas paisagens características são serras erodidas, principalmente, pelas chuvas.

3.2. No domínio encontra-se um solo de grande fertilidade e o predomínio do clima tropical.

3.3. Esse domínio era coberto por Mata Atlântica (floresta tropical), que apresenta a maior biodiversidade mundial em árvores. Desejada à sua proximidade do litoral, a região foi densamente povoada, natural a Mata Atlântica a 7,8% da sua área original.

4. CAATINGAS

4.1. O Domínio da Caatinga destaque-se pelo clima semiárido, com baixo índice de precipitação e forte deficiência hídrica. O relevo predominante em quase toda a extensão do domínio é a depressão.

4.2. O bioma, apresenta vegetação baixa e adaptada à escassez de chuvas, com estruturas de armazenamento de água. Apesar do solo sofrer com a irregularidade de chuvas, contém boa quantidade de minerais básicos para as plantas.

4.3. A Caatinga é um dos biomas mais ameaçados do Brasil, com o risco eminente do processo de desertificação. Uma população da região enfrenta os menores índices de desenvolvimento humano e grandes desigualdades sociais.

5. ARAUCÁRIAS

5.1. O Domínio das Araucárias apresenta clima subtropical, com alta pluviosidade e invernos relativamente brandos. Ocupa áreas de planaltos e seu solo é muito diversificado.

5.2. É coberto pela Mata de Araucárias, também conhecida como Mata dos Pinhais. As precipitações são relativamente bem distribuídas pelo ano inteiro, garantindo um caráter perene para todas as suas bacias.

5.3. Atualmente, rematada apenas 3% da sua área original, devido à instalação de indústrias, à agropecuária e à extração de madeira sem parceria.

6. PRADARIAS

6.1. Também conhecido como Pampas, localiza-se no sul do Brasil e é ocupado por vegetação rasteira.

6.2. Predomina-se, neste domínio, o clima subtropical, com temperatura média anual baixa e relevo baixo, com suaves ondulações (coxilhas).

6.3. Os principais agentes de degradação são a agricultura e pastagem.