10 PASSOS ESSENCIAIS NAS INTERAÇÕES ENTRE MEDICAMENTOS E ALIMENTOS EM IDOSOS!

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
10 PASSOS ESSENCIAIS NAS INTERAÇÕES ENTRE MEDICAMENTOS E ALIMENTOS EM IDOSOS! por Mind Map: 10 PASSOS ESSENCIAIS NAS INTERAÇÕES ENTRE MEDICAMENTOS E ALIMENTOS EM IDOSOS!

1. 1º PASSO: Anotar todos os medicamentos utilizados pelo paciente, inclusive os de uso eventual

1.1. “Toma alguma vitamina? “

1.2. “Toma suplemento?”

1.3. “Toma quantos medicamentos de uso contínuo? “

2. 2º PASSO: Anotar quais alimentos que o paciente mais consome, como costuma ser o histórico alimentar?

2.1. Quais frutas consome?

2.2. “ O que mais gosta de comer?”

2.3. “Toma algum tipo de chá?”

3. 3º PASSO: Horário, pedir para descrever o dia anterior com toda rotina alimentar ?

3.1. Ex: “ “Sr José poderia me falar o que você comeu ontem, em suas refeições?”

3.2. Verificar se toma a medicação com alimento ou se toma em jejum

3.2.1. “Toma medicação com alimento? Modifica a estrutura do fármaco Tritura? Toma junto com leite? Café? Coloca junto ao iogurte? “

3.3. Que horário costuma tomar as medicações? Sempre no mesmo horário do dia anterior?

3.4. “Qual horário você costuma fazer suas refeições? “

4. 4º PASSO: Utilizar livros, aplicativos de consulta para ver cada medicamento se pode ser utilizado com alimentos ?

4.1. Drugs.com

4.2. Farmacologias do envelhecimento

4.3. Interação medicamentos fitoterápicos

4.4. Interações medicamentosas

5. 5º PASSO: Qual a principal queixa desse idoso? Porque ele te procurou?

5.1. “No que posso te ajudar? “

5.2. Ser ouvinte.

5.3. Dar todas as informações necessárias, para que o paciente não tenha dúvidas.

5.4. Procurar solucionar problem.

6. 6ºPASSO: O que fazer quando identifica uma interação?

6.1. Onde é a interação medicamento alimento?

6.1.1. É na Absorção?

6.1.1.1. É só não administrar junto, administra um separado do outro

6.1.2. É na Distribuição?

6.1.2.1. É mais difícil mas pode ocorrer quando interage na enzimas do citocromo P480.

6.1.2.2. Quanto tempo demora para ter o pico concentração plasmática do medicamento e nutrientes para que também este pico não seja no mesmo horário e consiga diminui está interação na distribuição.

6.1.3. É na Metabolização?

6.1.3.1. Sendo mais difícil o manejo pois quanto tempo demora para chegar no figado? Para tentar fazer com que a metabolização seja em horário diferente.

6.1.4. É na excreção ?

6.1.4.1. Saber tempo de meia vida de eliminação.

6.1.4.2. Interações na excreção como por ex: nutrientes que pode acetificar a urina quando ela dica ácido modifica a eliminação de vários medicamentos, muitos medicamentos serão eliminados e outros que deveriam ser eliminados são reabsorvidos, como exemplo nutriente que acetifica urina Vitamina C em excesso.

7. 7ºPASSO: É preciso intervir ? Como intervir?

7.1. Saber a principal queixa do paciente idoso

7.2. Fazer uma análise, verificar se paciente está com deficiência do nutriente

7.3. Aumentar a ingesta do nutriente, em horário que não interage com medicamento, para que ele seja absorvido

7.4. Por causa da ingestão de algum alimento será que está diminuindo o efeito do medicamento?

8. 8º PASSO: O que posso fazer? Quando devo encaminhar e pra quem?

8.1. Tirar as medicações que ele esteja fazendo automedicação

8.1.1. Explicar o porque está sendo retirado as medicações.

8.2. Alterar os horários dos medicamentos ( mas não ir contra o médico)

8.2.1. Converse com médico, sobre horário que foi visto que está errado.

8.3. Quando perceber que tem deficiência de nutriente, e não tem como tirar a medicação, mas sabe que diminui a absorção do nutriente, encaminha a nutricionista

8.4. Quando há possibilidade de troca de medicamento, Encaminhar ao médico

9. 9ºPASSO: Encaminhamento

9.1. 1 Ao Nutricionista

9.2. 2 Ao Farmacêutico

9.3. 3 A Equipe deEmfermagem

9.4. 4. Ao Médico

9.5. Como é feito o encaminhamento?

9.5.1. 3 vias

9.5.1.1. -paciente

9.5.1.2. -Profissionais que estamos encaminhando

9.5.1.3. Farmacêutico

9.5.2. Escrita Completa

9.5.2.1. Todas as informações necessárias, assinatura, toda a questão que deve ser encaminhada a respeito do paciente ao outro profissional da saúde.

10. 10°PASSO: Reavaliação (1 a 2 meses)

10.1. Como o paciente está?

10.2. O problema foi resolvido?