Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
CONTROLE MOTOR por Mind Map: CONTROLE MOTOR

1. ORGANIZAÇÃO HIERARQUICA DO MOVIMENTO

1.1. CORTEX: propósito e comando do movimento

1.2. Núcleos da base e cerebelo: formação plano motor e ajustes motores

1.3. Tronco cerebral: controle da postura e equilíbrio

1.4. Medula espinal: circuitos neuronais medeiam reflexos e automatismos rítmicos

2. SISTEMA MOTOR SOMÁTICO

2.1. organização hierarquica

2.1.1. nivel alto (areas de associacao do neocortex e ganglios da base): finalidade do movimento, "quero fazer", motivação

2.1.2. nivel médio ( cortex motor e cerebelo): tática para o movimento

2.1.3. nível baixo (tronco encefálico e medula): execução do movimento

2.2. organização em paralelo

2.3. comando motor é guiado pelas aferencias sensoriais

2.4. aprendizagem e sistema limbico (emoções) modificam a experiência motora

3. CÓRTEX

3.1. ASSOCIAÇÃO: objetivo gerais

3.2. MOTOR SECUNDÁRIO E PRIMÁRIO: tática, planos de ação específicos

3.3. NÚCLEOS MOTORES DO TRONCO ENCEFÁLICO E CEREBELO: postura, tonus e correção de erros (feedback sensorial)

3.4. CIRCUITOS MOTORES ESPINAIS: ativação de motoneurônios e interneurônios para movimento relacionado á meta

3.5. OBSERVAÇÃO: INFORMAÇÃO SENSORIAL MODULA A RESPOSTA DO CONTROLE MOTOR, PODENDO ALTERA-LA DURANTE O CURSO DO MOVIMENTO PELO CORTEX MOTOR

4. NEURONIO MOTOR

4.1. SUPERIOR: todos neurônios que influenciam o funcionamento do neuronio motor inferior

4.2. INFERIOR: nêuronio cujo corpo celular e dendritos estao localizados no SNC e cujo axônio se estende através dos nervos periféricos para fazer sinapse com as fibras musculares esqueléticas

5. COMUNICAÇÃO DO ENCEFALO COM MEDULA ESPINAL

5.1. CORTEX: VIAS LATERAIS (VOLUNTÁRIO): TRATO CORTICO ESPINAL, RUBRO ESPINAL

5.2. TRONCO ENCEFÁLICO (vias ventromediais, postura e tonus): trato tecto-espinal, vestibulo-espinal, tracto reticulo-espinal pontino

6. SISTEMAS QUE ATUAM EM COOPERAÇÃO PARA REALIZAR O CONTROLE DA MOTRICIDADE

6.1. PIRAMIDAL: movimentos voluntários mais refinados

6.2. EXTRA-PIRAMIDAL: suporte postural automático necessario para a realização dos moviemntos voluntarios mais refinados

6.3. VIAS LATERAIS: VOLÚNTÁRIA

6.4. VIAS MEDIAIS: POSTURAL E TÔNUS

7. ÁREAS CEREBRAIS:

7.1. CÓRTEX PRÉ FRONTAL: intenção do movimento, programa de ação , monitora o curso de movimento (pode reformular) e verifica resultado final

7.2. ÁREA PRÉ-MOTORA: elabora a estratégia e a melodia entre a cinética juntamente com ganglios da base

7.3. GIRO PRÉ CENTRAL: execução motora do movimento, organizacao somatotópica e ativacao de motoneuronios de maneira seletiva

7.4. GIRO PÓS CENTRAL: aferências proprioceptivas de tato e pressão e informação do tonus muscular e articulações

7.5. ÁREAS PARIETO-OCCIPTAIS: topo da hierarquia, interação com outras areas corticais (visão, audição, equilibrio e propriocepção)

8. CEREBELO: precisão, aprendizado e correção de movimentos

9. GÂNGLIOS DA BASE: planejamento de estratégias motoras complexas