Funções Inorgânicas bases (Cap 15)

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Funções Inorgânicas bases (Cap 15) por Mind Map: Funções Inorgânicas bases (Cap 15)

1. Da mesma forma como acontece com os ácidos, a formulação, a nomenclatura e a classificação das bases são fundamentadas nos conceitos de Arrhenius.

1.1. Os álcalis ou bases, segundo Arrhenius, são substâncias que, em solução aquosa, dissociam-se produzindo o ânion hidróxido

1.1.1. Há, nessa definição, duas importantes restrições: primeiro, a exigência de solubilidade da substância; segundo, a exclusividade do íon hidróxido.

2. A exigência da solubilidade

2.1. O Aℓ(OH)3 não pode ser considerado uma base de Arrhenius, pois a concentração de íons hidróxidos é muito pequena. Apesar disso, pela falta de rigor na linguagem técnica, é comum denominar por bases substâncias como o hidróxido de alumínio. Autores mais cautelosos as denominam simplesmente de hidróxidos. Para efeito de simplificação, serão estudados aqui somente os que utilizam indiscriminadamente as denominações bases ou álcalis.

2.2. Há um equívoco quando o íon hidróxido (OH–) de uma base é denominado hidroxila (OH). Uma base não possui hidroxila.

3. CLASSIFICAÇÃO

3.1. Quanto ao número de íons hidróxidos

3.1.1. Monobases – Apresentam 1 íon hidróxido. Exemplos: NaOH, KOH e AgOH.

3.1.2. Dibases – Possuem 2 íons hidróxidos. Exemplos: Ca(OH)2, Zn(OH)2 e Mg(OH)2.

3.1.3. Tribases – Possuem 3 íons hidróxidos. Exemplos: Aℓ(OH)3, Fe(OH)3 e Mn(OH)3.

3.1.4. Tribases – Possuem 3 íons hidróxidos. Exemplos: Aℓ(OH)3, Fe(OH)3 e Mn(OH)3.

3.1.5. Tetrabases – Possuem 4 íons hidróxidos. Exemplos: Pb(OH)4 e Sn(OH)4.

3.2. Quanto à solubilidade em água

3.2.1. Muito solúveis – Bases dos metais alcalinos e NH4OH. São bases de metais alcalinos: LiOH, NaOH, KOH, RbOH e CsOH.

3.2.2. Pouco solúveis – Bases de metais alcalinoterrosos, exceto as bases Be(OH)2 e Mg(OH)2, que são praticamente insolúveis em água.

3.2.3. Praticamente insolúveis– As demais bases. Para que não se faça uma contradição ao conceito de Arrhenius, será considerada praticamente desprezível a quantidade de hidróxido dissolvida. Aℓ(OH)3 e Pb(OH)4 são exemplos de bases desse grupo.

3.3. Quanto à força

3.3.1. Bases fortes – São as bases de metais alcalinos e as de metais alcalinoterrosos. Excetuam-se Be(OH)2 e Mg(OH)2, que são fracas. São bases fortes: LiOH, NaOH, KOH, RbOH

3.3.2. Bases fracas – São as bases dos demais metais e NH4OH. Exemplos: Aℓ(OH)3, Pb(OH)2 e Zn(OH)2.

3.4. Quanto à volatilidade

3.4.1. Bases fixas ou não voláteis – As bases são compostos iônicos, portanto são fixas. A exceção é o hidróxido de amônio (NH4OH), que é volátil.

4. FORMULAÇÃO

4.1. Me^x+(OH)−x

4.2. Em que x é a carga do cátion metálico Me.

5. NOMENCLATURA

5.1. formadas por cátions de Nox fixo

5.1.1. Hidróxido de + nome do cátion

5.2. formadas por cátions de Nox variável

5.2.1. Hidróxido de + nome do cátion + carga do cátion expressa em algarismos romanos