SOA

Track and organize your meetings within your company

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
SOA por Mind Map: SOA

1. Cauda Longa

1.1. Consistem em baixar os custos de adoção da solução para abaixar o custo pagos pelo serviço. Aproveitamento de uma solução pelo maior numero de clientes possiveis

2. Introdução

2.1. O que é? Arquitetura Orientada a Serviços (SOA) não é uma tecnologia, não é uma metodologia, não é um serviço, mas é um conceito de arquitetura corporativo que promove a integração entre o negócio e a TI por meio de conjunto de interfaces de serviços acoplados.

2.2. Historico de TI

2.2.1. 1970

2.2.1.1. Grandes centros de processamento com custos elevados de operação e manutenção; Sistemas monolíticos;

2.2.2. 1980

2.2.2.1. Nascimento da Computação Pessoal, Gerenciamento de pequenos negocios, no final dos anos 80 Cliente/Servidor, Redes interoperáveis integração em ambientes corporativos

2.2.3. 1990

2.2.3.1. Consolidação arquitetura Cliente/Servidor. Redes de Baixos Custos. Diferentes topologias de redes.

2.2.4. 2000

2.2.4.1. SOAP (Simple Object Access Protocol), HTTP (Hypertext Transfer Protocol), HTML (HyperText Markup Language) e XML (eXtensible Markup Language) permite integração mais rapida, cresce numero de usários e aplicaçõespor meio da internet.

3. SaaS

3.1. O que é ? Saas é a sigla de Software as a service, em tradução livre, Software como Serviço é um modelo de distribuição de software, instalado localmente, mas sim é liberado apenas o acesso ao serviço oferecido por este software e é licenciado para a utilização através da internet. Não precisa de instalação diretamente nas máquinas dos clientes, o usuário pode ter acesso ao software de qualquer lugar que tenha acesso a internet.

4. Software + Serviços

4.1. O que é? Uma integração de Web 2.0 + SaaS e SOA Software como serviço, do inglês Software as a service, é uma forma de distribuição e comercialização de software. No modelo SaaS o fornecedor do software se responsabiliza por toda a estrutura necessária para a disponibilização do sistema (servidores, conectividade, cuidados com segurança da informação) e o cliente utiliza o software via internet

4.2. Não é necessariamente a tecnologia utilizada que determina o modelo. O software utilizado pode ser 100% web (utilizado via browser) ou pode ter alguma instalação local (como anti-vírus ou sistemas de backup). A característica principal é a não aquisição das licenças (mas sim pagar pelo uso como um "serviço") e a responsabilidade do fornecedor pela disponibilização do sistema em produção

5. Relação com Cloud Computing

5.1. * Virtualização e modelo de entrega de software como serviço. Grid Computing por meio de novos e velhos conceitos. Indiferente pelo uso de tecnologia necessaria tanto para usuarios ou empresas de acordo com seu nivel de produção e armazenamento de dados

6. Vantagens

6.1. 2. Aumentos de produtividade. Se os desenvolvedores reutilizam serviços, os projetos de software podem andar mais rápido e a mesma equipe de desenvolvimento pode trabalhar em mais projetos.

7. Desvantagens

7.1. 1 - A principal preocupação em implementações dessa arquitetura é a questão da segurança. Em uma pesquisa global patrocinada pela CA, 43% dos executivos classifica a segurança como o ponto mais crítico nas iniciativas SOA. (TI INSIDE ONLINE, 2012).

7.2. 2 - Complexidade: Uma grande quantidade de serviços precisa ser gerenciada. A performance depende do servidor onde o serviço está publicado, como também da rede.