Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
GRSU por Mind Map: GRSU

1. Limpeza Pública

1.1. Conjunto de atividades que permite o adequado estado de limpeza de uma cidade chama-se limpeza pública ou urbana.

1.1.1. regulamentação e a fiscalização

1.1.2. coleta e transporte

1.1.3. limpeza e a varrição

1.1.4. capina e roçada

1.1.5. desobstrução de bocasdelobo

1.1.6. podas

1.1.7. tratamento

1.1.7.1. reaproveitamento, reciclagem, compostagem, incineração etc

1.1.8. destinação

1.1.9. elaboração de projetos de limpeza

1.1.10. gerenciamento de contratos

2. GRS x Sustentabilidade

2.1. evitar

2.2. minimizar

2.3. reutilizar

2.4. separar/triar

2.5. reciclar

2.6. tratar

2.7. dispor

3. Definições de Resíduos Sólidos

3.1. ABNT

3.1.1. São “resíduos nos estados sólido e semissólido, que resultam de atividades da comunidade de origem: industrial, doméstica, hospitalar, comercial, agrícola, de serviços e de varrição. Ficam incluídos nesta definição os lodos provenientes de sistemas de tratamento de água, aqueles gerados em equipamentos e instalações de controle de poluição, bem como determinados líquidos cujas particularidades tornem inviável o seu lançamento na rede pública de esgotos ou corpos de água, ou exijam para isso soluções técnica e economicamente inviáveis em face à melhor tecnologia disponível.”

3.2. Rejeito PNRS

3.2.1. “RS que, depois de esgotadas todas as possibilidades de tratamento e recuperação por processos tecnológicos disponíveis e economicamente viáveis, não apresentem outra possibilidade que não a disposição final ambientalmente adequada”

3.3. Dijkema

3.3.1. Uma noção mais estratégica é que uma substância ou objeto é qualificado como resíduo quando não é usado com seu pleno potencial

4. Classificação

4.1. Classes

4.1.1. Classe I: Perigosos Classe II: não perigosos IIA- Não inertes IIB - Inertes

4.2. atividade

4.2.1. Residencial

4.2.2. Comercial

4.2.3. Saúde

4.2.4. Industrial

4.2.5. Público

4.2.6. Institucional

4.3. local

4.3.1. Urbano

4.3.2. Rural

4.4. grau de biodegradabilidade

4.4.1. Facilmente degradáveis

4.4.2. Moderamente

4.4.3. Dificilmente

4.4.4. Não degradáveis

4.5. forma da coleta

4.5.1. Domiciliares( +comerciais + institucionais)

4.5.2. Públicos (varrição, capina...)

4.5.3. Especial

5. Características dos Residuos Municipais

5.1. Influenciadas por

5.1.1. habitantes

5.1.2. habitos e nível educacional

5.1.3. poder aquisitivo

5.1.4. atividades predominantes do local

5.1.5. condições climáticas

5.2. fatores de geração

5.2.1. taxa por habitante kg/hab.d

5.2.2. população total do município X população atendida

5.3. parâmetros físicos

5.3.1. umidade

5.3.2. densidade

5.3.3. produção per capita

5.3.4. compressibilidade

5.4. (%) dos componentes mais comuns

5.4.1. vidro

5.4.2. matéria orgânica

5.4.3. plástico

5.4.4. papel / papelão

5.4.5. metais

5.5. características biológicas

5.5.1. nutrientes

5.5.2. presença de microrganismos

6. Quarteamento

6.1. Quantizar a composição do resíduo

6.1.1. Pegando sempre dois quartos da amostra 3000/2 1500/2 750/2 =400

7. Acondicionamento

7.1. Envio ao local de disposição

7.1.1. Fase interna (gerador)

7.1.2. Fase externa ( administração municipal)

7.2. A forma de acondicionamento

7.2.1. quantidade

7.2.2. composição

7.2.3. movimentação (frequência)

7.3. Volumes

7.3.1. pequenos

7.3.1.1. cestos de calçada carrinhos tambores sacos plásticos

7.3.2. grandes

7.3.2.1. contenedores

7.3.2.2. caçambas

7.4. Saúde

7.4.1. sacos plásticos

7.4.2. Recipiente para residuo perfurante e cortante

7.4.3. Recipiente rígido

8. Prioridades

8.1. Gestão

8.2. Coleta

8.3. Tratamento

8.4. Campanhas de conscientização

8.5. Dar destino adequado

9. coleta e transporte

9.1. coleta

9.1.1. Envolvimento dos cidadãos que devem acondicionar seus RS adequadamente. Apresenta-los em dias, locais e horários pré-estabelecidos pela prefeitura

9.1.1.1. Domiciliar

9.1.1.1.1. ponto a ponto

9.1.1.1.2. porta a porta

9.1.1.2. RSS

9.1.1.3. Pública

9.1.1.4. Especial

9.1.1.5. Seletiva

9.1.2. locais de entrega voluntaria

9.1.2.1. locais definidos e equipados com recipientes para receber RS recicláveis

9.1.3. URPV

9.1.3.1. Até 2 m³ por obra

9.1.3.2. entulhos aparas de vegetação, de madeira bens de consumo danificados objetos volumosos

9.1.3.3. Colaboração de carroceiros

10. Varrição