Personal Learning Enviroments- Ambientes Pessoais de Aprendizagem (PLE)

Personal Learning Enviroments- Ambientes Pessoais de Aprendizagem (PLE)

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Personal Learning Enviroments- Ambientes Pessoais de Aprendizagem (PLE) por Mind Map: Personal Learning Enviroments- Ambientes Pessoais de Aprendizagem (PLE)

1. Ron Lubensky

1.1. iniciativa do indíviduo

1.1.1. agregar experiências de aprendizagem

2. Siemens

2.1. PLES não são um programa informático

2.1.1. são ferramentas e noções conceituais

3. Wilson

3.1. PLE não é um software

3.1.1. é um ambiente de interação entre pessoas, ferramentas, comunidades, interagindo de forma livre.

4. Attwell e Costa

4.1. PLE não é tecnologia

4.1.1. É a promoção da autonomia pelo aluno em diferentes contextos que irá gerar a aprendizagem.

5. Anderson

5.1. PLE é uma interface da web para aprendizagem em ambiente digital.

5.1.1. integração de interesses pessoais e profissionais

5.1.1.1. Sistema de perfis para estabelecer conexões.

5.1.1.1.1. Um espaço de trabalho colaborativo e individual.

6. Mediavilla

6.1. PLE não é um serviço de internet

6.1.1. Ele é uma criação de ambientes de aprendizagem pelas pessoas, segundo seus interesses, não tendo um modelo a ser seguido.

7. Stephen Downes

7.1. A aprendizagem não gira em torno da motivação mas sim em torno da posse de controle na construção de seus ambientes de aprendizagem, assim pertencendo a pessoa.

7.1.1. O indivíduo que constrói seu próprio espaço de aprendizagem, ele não é imposto.

8. Características Gerais

8.1. PLE é um software que faz mediação entre aluno e recursos que ele necessita.

8.1.1. Portal fundamentado na Web.

8.1.1.1. Manipulação e aprendizado em conjunto por alunos.

8.1.1.1.1. Sistema de perfis para conexão.

9. Marcelle Girundi- conclusões

9.1. PLE's são a integração entre alunos e as ferramentas de softwares.

9.1.1. Proporcionando o desenvolvimento das habilidades dos alunos em conjunto com as novas ferramentas.

9.1.1.1. Inserindo os mesmos em um mundo tecnológico e ao mesmo tempo os estimulando na participação das modificações dos modos de aprendizagem.