Formação da Sociedade Brasileira

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Formação da Sociedade Brasileira por Mind Map: Formação da Sociedade Brasileira

1. A própria agricultura colonial é um exemplo disso. Não houve uma tentativa sistemática de dominar a terra. O Colonizador se apoiou em braço escravo, conhecimento indígena e terra vasta

2. Os brasileiros são "desterrados em sua própria terra", tentam conciliar a modernidade vinda da Europa com as concepções mais atrasadas da elite politica e econômica brasileira

3. 2 "BRASIS" Moderno X Atrasado

4. Sergio Buarque analisa dois tipos O trabalhador e o Aventureiro. No primeiro (Espanha) e o segundo (Portugal). O ideal de aventureiro é aquele que conquista em oposição ao que trabalha sistematicamente.

4.1. A ideia de Sergio Buarque é a de que toda a empreitada colonial portuguesa no Brasil se baseou nesse espirito aventureiro.

5. O colonizador (Portugal) Características Herdadas. 1) Grande capacidade de Adaptação. 2) Cultura de Personalidade, traço marcante do povo Ibérico.

5.1. Quanto mais independente uma pessoa fosse em relação aos demais, mais heroicas seriam suas atitudes e mais próximo do ideal de ser humano ela estaria.

6. Bandeirantes- Podem ser chamado de os "SOLDADOS DA FORTUNA" (Saiam de diversas localidades para levantar fundos através de materiais naturais)

7. Consequências da colonização: - O uso predatório da terra e agricultura. - O uso do trabalho escravo e a desvalorização do trabalho. - O gosto pela fidalguia, pelo heroísmo. - A ideia de que inteligencia é dom e não esforço. - Certa indiferença pela ideia de pátria, nação e coletividade.

8. Dois tipos Modelares ou ideais Semeador e ladrilhador. Referindo-se a arquitetura das cidades

8.1. Ladrilhador- Os espanhóis seguiram o modelo do construtor zeloso e racional. As principais cidades foram erigidas longe do litoral, por motivo de defesa e por corresponderem a ideia de ocupação do espaço.

8.2. Semeador- não teve motivação para de fato colonizar a terra conquistada, antes preferindo um tipo de feitorização ao de colonização. Era como se Portugal não quisesse estar aqui apenas passasse para encontrar e retirar o que fosse lucrativo

9. O objetivo dos portugueses era explorar e ir embora quando acabasse as vantagens naturais.

10. A família patriarcal era quase que exclusivamente o mundo do poder na época colonial. É deles que herdamos o mandonismo que persiste em nossas relações sociais e em nosso modo de fazer politica.

10.1. A ideia de poder no Brasil hoje, se deve a forma como era vista pela família Patriarcal

11. O Brasileiro teria se formado sem o gosto pela formalidade. A Herança rural aventureira, plástica e avessa a qualquer contrato, ofereceu uma base cultural ao brasileiro que o impede de realmente apreciar a hierarquia, a ordem abstrata de cerimonias e instituições.

11.1. O homem cordial teria sempre a maneira de tornar tudo informal e aconchegante,

11.2. Substitui o burocrata, o politico ou o servidor publico. A ideia de administração publica é baseada na familiaridade, nas amizades, nos acordos pessoais.

12. Entre os Brasileiros não existe muita solidez de pensamentos, filosofia ou doutrinas, estando o individuo sempre pronto a abandonar suas convicções, ideias e gestor por quaisquer novas correntes de pensamento que aparecem