A IMPORTÂNCIA DO PLANO DE NEGÓCIOS PARA O SUCESSO EMPRESARIAL

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
A IMPORTÂNCIA DO PLANO DE NEGÓCIOS PARA O SUCESSO EMPRESARIAL por Mind Map: A IMPORTÂNCIA DO PLANO DE NEGÓCIOS PARA O SUCESSO EMPRESARIAL

1. Consumidor: "Qual é o mercado potencial?" Priorizar mercados e dimensionar mercado principal. Verificar se o setor possui sazonalidade do consumo. Caso haja, pensar em alternativas para oscilações.

2. Fases:

2.1. Caracterização do empreendimento: visa conhecer a finalidade do plano de negócio. Identificar de forma clara o objetivo e ramo de atuação e os motivos da escolha.

2.2. Análise de mercado e competitividade: descrever as oportunidades percebidas no empreendimento. Destacar tendências e ameaças.

2.3. Localização e instalação: analisar diversos pontos potenciais existentes sobre o local. O local deve oferecer infra-estrutura necessária ao negócio, ter acesso facilitado, enfim, proporcionar crescimento. Definição de layout.

2.4. Fornecedores: Identificá-los conforme localização, preço, forma e prazos de pagamento, disponibilidade de fornecimento, lote mínimo de compra, etc.

2.5. Concorrentes: analisar pontos fracos e fortes.

2.6. Pessoal: Dimensione equipe de trabalho. Nesta etapa deve-se fazer um resumo das qualificações necessárias.

2.7. Produtos e Serviços: relacioná-los destacando vantagens e benefícios. Estimar capacidade para o primeiro ano de atividade.

2.8. Estratégia Competitiva: definir com base nas variáveis: liderança no custo e diferenciação. Traçar direcionamento do negócio.

2.9. Plano de marketing e comercialização: Definir estratégias de comunicação analisando frequência e custos. É necessário também, definir uma marca bem trabalhada.

2.10. Estimativa dos Investimentos: relacionar os investimentos necessários para implantação e manutenção do negócio.

3. Itens que devem ser levados em conta na confecção de um Plano de Negócios

3.1. Fase I: Definições gerais do negócio

3.2. Fase II: Plano de produção

4. Passos para abertura

4.1. 1. Consulta do Endereço; 2. Pesquisa do nome empresarial; 3. Consulta da situação fiscal e cadastral; 4. Elaboração do Contrato Social; 5. Registro do Contrato no Cartório Civil de PJ;  6. Secretaria da Receita Federal; 7. Custos para abertura; 8. Controles internos; 9. Estrutura de capital.

5. Impostos e Contribuições

5.1. ISS-QN

5.2. PIS

5.3. Cofins

6. Formas de Tributação

6.1. Simples Nacional

6.2. Lucro Presumido

6.3. Lucro Real

7. Contribuição Previdenciária

7.1. Distinguir o salário de empregados do salário do empregador.

8. Imposto de Renda retido na fonte - IRPF

9. Encargos Trabalhistas

9.1. INSS

9.2. FGTS

10. Outras obrigações trabalhistas

10.1. 13º Salário

10.2. Férias

11. Conceitos gerais:

11.1. A estrutura organizacional deve estar alinhada com o negócio. Segundo Porter "Negócio" deve ser definido em três dimensões: 1. grupo de clientes (quem está sendo satisfeito), 2. funções de clientes (o que está sendo satisfeito) e tecnologias (como estão sendo satisfeitas).