Centro de treinamento e atualização em Telerradiologia  (CTAT)

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Centro de treinamento e atualização em Telerradiologia  (CTAT) por Mind Map: Centro de treinamento e atualização em Telerradiologia  (CTAT)

1. Teleconsultoria, segunda opinião de especialista; revisão clínica radiológia

1.1. Unidade 02 - Estudo de Caso

1.2. Unidade 01 - Utilizando o sistema  (laudar)

2. Contribuição na Formação

3. Módulo 01 - Telerradiologia Público-alvo: Gestor, médicos, médico radiologista, técnico em radiologia, Tecnólogo em radiologia , profissionais de TI do hospital, Técnicos Administrativos, Pacientes e comunidade em geral e Telerradiologista.

3.1. Unidade 01 - Conceito

3.1.1. Se define pela transmissão eletrônica a distância de imagens radiológicas de pacientes para fins de interpretação e produção de relatório médico, ou aconselhamento médico especializado

3.2. Unidade 02 - Legislação

3.2.1. Normas para o Exercício da Telerradiologia

3.2.1.1. Da Responsabilidade

3.2.1.1.1. Transmissão de imagem e elaboração de relatório

3.2.1.2. Da Abrangência das áreas

3.2.1.2.1. I – Radiologia Geral e Especializada; II – Tomografia Geral e Especializada; III – Ressonância Magnética; IV – Mamografia; V – Densitometria Óssea; VI – Medicina Nuclear.

3.2.1.3. Das Restrições

3.2.1.3.1. Portadores de Certificados de Atuação em mamografia e densitometria óssea só poderão assumir a responsabilidade pela transmissão de exames e emitir relatório na respectiva área.

3.2.1.4. Da Ética Profisisonal

3.2.1.4.1. Autorização do paciente: Consentimento livre e esclarecido

3.2.1.4.2. Confiança, Confidencialidade e Integridade das Informações

3.3. Unidade 03 - Questões éticas e profissionais

3.3.1. Quem são os profissionais envolvidos

3.3.1.1. Gestor, médicos, médico radiologista, técnico em radiologia, profissionais de TI do hospital, Técnicos Administrativos, Pacientes e comunidade em geral e Telerradiologista.

3.3.2. Quais as empresas que vem atuando neste segmento

3.3.2.1. Empresas Privadas Ex: Telemidia, Telelaudo

3.3.3. Segurança da Informação

4. Módulo 02 - Fluxo de tabalho em um Serviço de Saúde Público-alvo: Gestor, médicos, médico radiologista, técnico em radiologia, Tecnólogo em radiologia , profissionais de TI do hospital e Técnicos Administrativos e Telerradiologista.

4.1. Unidade 01 - Perfis Usuário/Cliente

4.1.1. Cliente Interno

4.1.1.1. Setor de Telerradiologia e Diagnóstico por imagem do Hospital: Os clientes internos são os médicos, pesquisadores e os pacientes a quem o serviço é prestado.

4.1.2. Cliente Externo

4.1.2.1. Os clientes externos são representados pelas Unidades de Saúde Externas, ao Setor de Telerradiologia do Hospital, colaboradores e pacientes de outras unidades de saúdeque utilizam este serviço para um atendimento pontual.

4.2. Unidade 02 - Rotinas de serviço em uma organização de saúde

4.2.1. Orientação para a realização de um exame

4.2.1.1. Preparo do paciente, e do Tecnólogo.

4.2.2. Execução do exame

4.2.2.1. Manuseio do Equipamento, técnica operacional, precaução

4.3. Unidade 03 - Condições Técnicas pré-existentes em um serviço de Telerradiologia

4.3.1. Interface de comunicação e conexão integradas

4.3.1.1. Sistema de Informação Radiológica (RIS) e Sistema de Informação Hospitalar (HIS) e Sistema de Comunicação e Arquivo de Imagens (PACS)

4.3.1.2. Padrões como HL7 e DICOM

5. Módulo 03 - Atualização Profissional Público-alvo: Médicos, médico radiologista, técnico em radiologia, Tecnólogo em radiologia, profissionais de TI do hospital e Telerradiologista.

5.1. Unidade 01 - Tendências e Potencialidades da Formação Médica online em Telerradiologia

5.2. Unidade 02 - Ferramentas online para apoio em Telerradiologia

6. Módulo 04 - Telerradiologia na prática                                                                                  Público-alvo: Telerradiologista

6.1. Prática de Transmissão de Imagens Radiológicas

7. Newsletter ( envio mensal para os profissionais de acordo com as   categorias)

8. Foruns de discussão por profisisonais no ambiente para discutir temas específicos das rotinas do cotidiano

9. Ambiente Virtual de Aprendizagem (Moodle)

10. Equipe do CTAT - Analista TI (responsável pelos servidores), programador, Webdesign, jornalista, conteudista (autor) , Design Instrucional, Ilustrador, Responsável pelo CTAT e Telerradiologista.

11. infraestrutura para instalar Moodle (Ambiente virtual de aprendizagem) wordpress (Newsletter) a produção do Material será toda e: 1 servidor  Processador Intel® Xeon® E3-1220v2 3.10 GHz, 8M Cache, Turbo, Quad Core/4T (69W)

12. Público-alvo: Gestor, médicos, médico radiologista, técnico em radiologia, Tecnólogo em radiologia , profissionais de TI do hospital, Técnicos Administrativos, Pacientes e comunidade em geral e Telerradiologista.

13. O CTAT desenvolvera atualização em Telerradiologia me Educação a Distância

14. A ideia é desenvolver materiais envolvendo textos, áudios, vídeos, jogos e casos clínicos educacionais para o público-alvo descrito, que podem ser acessados através de computadores e dispositivos móveis (smartphones ou tablets).