Substantivos - nomeiam os seres

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Substantivos - nomeiam os seres por Mind Map: Substantivos - nomeiam os seres

1. Quanto a formação

1.1. Simples: apresentam um só radical em sua estrutura. Ex.: pão, trigo, renda, anos, etc.

1.2. Compostos: são formados por mais de um radical em sua estrutura. Ex.: fruta- pão pé-de-moleque, etc.

1.3. Primitivos: são aqueles que dão origem a outras palavras, ou seja, não provém de nenhum outro radical da língua. Ex.: pão, vida, jeito, forno, etc.

1.4. Derivados: são formados de outros radicais da língua. Ex.: padaria de pão, comunidade de comum, etc.

1.4.1. Quanto aquilo que fazem referência

1.4.2. Comuns: referem-se de maneira geral, a qualquer ser de uma mesma espécie. Ex.: pessoa, programa, fermento, trabalho,etc.

1.4.3. Próprios: designam determinado ser ou lugar, entre outros da mesma espécie, de maneira individual ou particular, São escritos com letras maiúscula. Ex.: São Paulo, Bruno, Brasil, etc.

1.4.4. Concretos: nomeiam seres com existência própria, ou seja, não dependem de outros para existir. Esses podem ser reais ou imaginários, tais como criaturas fantásticas ou divindades. Ex.: mula-sem-cabeça, saci-pererê, Deus, etc.

1.4.5. Abstratos: nomeiam ações, estados, qualidades, sentimentos que não têm existência própria, isto é, só existem em função de outro ser.Ex.:bondade, confiança, beleza,etc.

1.4.6. Coletivos: referem-se a um conjunto de seres de uma mesma espécie, mesmo quando empregados no singular, e representam um tipo de substantivos comum. Ex.: molho (chaves), panapaná (borboletas), etc.

2. Flexão de Gênero

2.1. Biformes ou heterônimos: apresentam uma forma para o masculino e outra para o feminino.Ex.: ator-atriz, monge-monja, sacerdote-sacerdotisa, maestro-maestrina, etc.

2.2. Uniformes: apresentam uma única forma para os dois gêneros.Ex.: o/a gerente, o/a criança, o/a intérprete, etc. Classificam-se em:

2.2.1. Epicenos: designam animais e algumas plantas, e são invariáveis. Diferencia-se o sexo pelo emprego da palavra macho ou fêmea. Ex.: o mamoeiro macho - o mamoeiro fêmea, a baleia-azul macho- a baleia azul fêmea, etc.

2.2.2. Sobrecomuns: referem-se a humanos; para determinar a variação de gênero, usam-se as expressões do sexo masculino ou do sexo feminino. Ex.: a criança (do sexo masculino ou feminino), o indivíduo (do sexo masculino ou feminino), a testemunha (do sexo masculino ou feminino), o cônjuge (do sexo masculino ou feminino), etc.

2.2.3. Comuns de dois gêneros: admitem a mesma forma para o masculino e para o feminino, para diferenciar seu gênero, colocamos antes ou depois deles um artigo, pronome adjetivo ou adjetivo.Ex.: o/a jornalista, um/uma paciente, outro/outra mártir, este/esta colega, aquele/aquela cliente, modelo lindo/linda,etc.

2.2.3.1. Mudança de gênero e de significado

2.2.3.2. Há substantivos que mudam de sentido quando se troca de gênero, são chamados de substantivo de gênero aparente. Ex.: o caixa (atendente)- a caixa (objeto), o cabeça ( (líder, chefe) - a cabeça (parte do corpo), etc.