Prescrição de exercício P/ idosos: interação entre AF - SEDENT. - NUTRI p/ manter saúde muscular

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Prescrição de exercício P/ idosos: interação entre AF - SEDENT. - NUTRI p/ manter saúde muscular por Mind Map: Prescrição de exercício P/ idosos: interação entre AF - SEDENT. - NUTRI p/ manter saúde muscular

1. ATIVIDADE FÍSICA

1.1. Benéfica para idosos :

1.1.1. - melhora a função física e a qualidade da saúde

1.1.2. Previne a sarcopenia, a fragilidade

1.1.3. Diminuem os riscos de declínio cognitivo

1.1.4. Reduz os riscos de : - obesidade, doenças cardíacas,diabetes2, mortalidade, os riscos de novas doenças.

1.1.4.1. New node

1.2. Diretrizes para recomendação de AP P/ idosos ( DRAP)

1.2.1. -150 min por semana de intensidade Moderada a Vigorosa, - sessões de pelo menos 10min + exercícios resistidos, 2x por semana.

1.2.2. Menos de 5% da população idosa atende as recomendações

1.2.3. Essas recomendações parecem ser IRREALISTAS e INATINGÍVEIS p/ a maioria dos idosos

1.2.4. NÃO HÁ um nível de TEMPO DEFINIDO DE SEDENTARISMO

1.2.5. INDEFINIÇÃO quanto a quantidade mínima de AP necessária

1.2.6. NÃO HÁ A CORRELAÇÃO ENTRE AP E NUTRIÇÃO ADEQUADA

1.2.7. o favor NUTRICIONAL é neglicenciado

1.2.8. Diretrizes definitas com base em evidências com tendência DUVIDOSA e IMPRECISA

1.2.8.1. De natureza OBSERVACIONAL

1.2.8.2. dados de AUTO-RELATOS

2. SEDENTARISMO

2.1. Os termos " SEDENTÁRIO" e "FISICAMENTE INATIVOS" são utilizados para o mesmo fim,porém são DISTINTOS

2.1.1. SEDENTÁRIO : qualquer comportamento de vigília com baixíssimo gasto energético em posição sentada ou reclinada

2.1.2. FISICAMENTE INATIVO: indivíduos que não realizam quantidades suficientes de APMV.

2.2. Os idosos podem gastar a maior do tempo de vigília(até 85%) sendo SEDENTÁRIOS

2.3. longos períodos de sedentarismo tem impactos negativos na massa muscular e na capacidade funcional dos idosos

2.4. A relação entre SEDENTARISMO e MASSA MUSCULAR em idosos é mal definida

3. RESISTÊNCIA ANABÓLICA

3.1. DESUSO MUSCULAR(modelo de inatividade física) -> de forma rápida ou prolongada resulta em perda de massa muscular e função física em idosos

3.1.1. O Desuso muscular crescente em idosos vem sendo grande causa de sarcopenia nestes.

3.2. Meio eficaz de ACÚMULO MASSA MUSCULAR -> ESTÍMULO ANABÓLICO , combinado exercício resistido + nutrição proteica adequada

3.3. PERDA DE MASSA MUSCULAR -> desusou, avanço da idade , destruição de proteína é maior que a síntese proteica

3.3.1. Resposta de síntese proteica em idoso é prejudicada

3.4. Resistência anabolica-> resultado de MENOS atividade física e MAIS tempo sedentário em idosos . É não o envelhecimento em si

3.5. Para manter a saúde e função muscular em idosos -> sinergia entre AP e dieta proteica

3.5.1. Essa sinergia deve ser INTEGRADA nas DRAP futuras

3.6. New node

4. CONCLUSÃO

4.1. A união da AP e nutrição adequada é fundamental para manter a massa muscular e função metabólica dos idosos

4.2. Apesar dos benefícios da AP serem bem estabelecidos para a função muscular e saúde metabólica do idoso, a quantidade mínima de AP é mal estabelecida.

4.3. Recomenda-se modificações nas DRAP para idosos, e incorporem o papel da nutrição e da união entre AP e nutrição

4.4. Apesar de benéficas, às DRAP pode ser INATINGÍVEIS para a maioria dos idosos

4.5. É preciso mais pesquisas sobre o assunto