Educação Corporativa

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Educação Corporativa por Mind Map: Educação Corporativa

1. Análise da perspectiva Histórica

1.1. 1° Revolução Industrial

1.1.1. Sistematização e Universalização do Conhecimento

1.2. 2° Revolução Industrial

1.2.1. Educação fundamentada no desenvolvimento do raciocínio, valores éticos e acumulo de conhecimento

1.3. 3° Revolução Industrial

1.3.1. Gestão Flexivel, pessoas com autonomia, iniciativa,voltadas para o desenvolvimento da aprendizagem contínua.

2. Pratica Reflexiva

2.1. Reflexão e aprendizado na ação e na resolução de problemas

2.1.1. A competência que os profissionais demonstram em certas situações de prática que são únicas, incertas e conflituosas. De acordo com o autor, é possível criar, por meio da reflexão, o desempenho diferenciado e habilidoso.

2.1.2. A não linearidade da prática profissional revelaseem momentos de imprevistos e nas necessidades de adaptação e ajustes de trajetória, que vão pontuando, continuamente, a ação do praticante.

2.1.3. O exercício da reflexão pode ocorrer de duas maneiras: a reflexão na ação, durante o próprio fluxo da prática, e a reflexão sobre a ação, nas pausas e momentos que sucedem à prática,

2.2. Reflexão sobre a ação e o aprendizado a partir de experiências

2.2.1. O fluxo contínuo de experiências, no qual o profissional deve refletir antes, durante e após suas ações.

2.2.2. Esse movimento, tende a fortalecer o aprendizado contínuo a partir das experiências.

2.2.3. O processo de reflexão envolve a aplicação de três estratégias: revisitar experiências, observar as emoções nelas presentes e reavaliar a experiência e seus resultado

2.3. Reflexão Crítica e a Revisão de Pressupostos e Perspectivas

2.3.1. Grupos de perspectivas que dão sentido a experiências pessoais e que podem ser revisadas nesse processo.

2.3.1.1. Psicológicas/Interpessoais

2.3.1.2. Socioliguísticas/Interpessoais

2.3.1.3. Epistêmicas

2.3.2. Reflexão crítica representa uma garimpagem de premissas individuais e mesmo grupais.

2.3.2.1. Essa revisão de perspectivas envolve um aprendizado que se encaminha para a experimentação e o fortalecimento de novas premissas e, consequentemente, de novas ações, até mesmo no contexto da prática gerencial

2.4. Reflexão do Nível Individual para o Nível Organizacional

2.4.1. Requer algum tipo de interação interpessoal para ocorrer.

2.4.1.1. Práticas que potencializam a reflexão e que demandam algum tipo de interação. Compartilhar experiências e conhecimentos, solicitar feedback, aprender com os erros, entre outras.

3. Educando o profissional reflexivo nas organizações

3.1. Ciclo de criação do conhecimento

3.1.1. Reflexão Indvidual

3.1.1.1. – reflexão crítica – reflexão “na ação” e “após a ação” (aprendendo com as experiências e aprendendo a aprender) – coaching reflexivo

3.1.2. Reflexão Grupal/Organizacional

3.1.2.1. – reflexão crítica – storytelling – compartilhar a visão – aprender com os erros – comunidades de prática – coaching em grupo

3.1.3. Principais componentes do modelo

3.1.3.1. Experiência

3.1.3.2. Perspectiva

3.1.3.3. Aprendizagem

3.1.3.4. Conhecimento

3.1.3.5. Desafio