Hipersensibilidade

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
Hipersensibilidade by Mind Map: Hipersensibilidade

1. Aumento do número de células -> cresimento populacional

2. Redução da área Fotossintética

3. Nutrição e densidade de plantio

4. Patovar é um grupo de isolados com características iguais ou semenlahntes a nível infresubespecífico de outros grupos da mesma espécie com base na patogenicidade distintiva a uma ou mais espécies de plantas hospedeiras

5. Murchas vasculares e amarelecimentos

6. Irrigação

7. Não cresce em 40 ºC

8. Morte de órgãos ou de plantas

9. Dano estético, deformação e redução de cresimento

10. A patogenicidade e a reação de hipersensibilidade é conferida por dois genes

10.1. Genes hr: HR e patogenicidade

10.2. Genes avr: virulência

11. Crescimento

11.1. População bacteriana

11.1.1. Conjunto de indivíduos da mesma espécie

11.1.2. Pode ser células esparsas, colônias ou biofilmes

11.2. Multiplicação

11.2.1. Fissão binária ou divisão simples

11.2.2. Período ou Tempo de Geração

11.2.2.1. Tempo para que a bactéria se divida ou que a população duplique

11.2.2.2. Em geral de 20 a 60 minutos

11.2.3. Progressão Geométrica

11.2.4. Curva de Crescimento

11.2.4.1. Fase Lag ou adaptação

11.2.4.2. Fase logarítima ou exponencial

11.2.4.3. Fase estacionária

11.2.4.4. Fase de morte ou declínio

12. aeróbias restritas, peritíquias

13. Colônias não pigmentadas em meio de cultura

14. Danos

15. Morfologia

15.1. Formas básicas

15.1.1. Bastonetes ou bacilos

15.1.2. Esféricas ou cocos

15.1.3. Espiraladas

15.1.4. Filamentosas

15.2. Flagelos

15.2.1. Atríquias

15.2.2. Monotríquias

15.2.3. Lofotríquias

15.2.3.1. Peritríquias

15.2.4. Anfítriquias

15.3. Estruturas

15.3.1. Cápsula

15.3.1.1. Composição de Exopolissacarídeos (EPS)

15.3.1.2. Função

15.3.1.2.1. Aderência

15.3.1.2.2. Virulência (Erwinia)

15.3.2. Parede Celular

15.3.2.1. Gran-negativas - Maioria

15.3.2.2. Gran-positivas

15.3.3. Membrana Citoplasmática

15.3.3.1. Permeabilidade seletiva

15.3.3.2. Realiza função análoga às miticondrias

15.3.3.3. Mesossomos

15.3.4. Citoplasma

15.3.5. Ribossomos

15.3.5.1. Proteção

15.3.5.2. rRNA e proteínas

15.3.6. Material Genético

15.3.6.1. As células não possuem núcleo típico

15.3.6.2. Somente 1 cromossomo

15.3.6.2.1. Onde ocorre a síntese protéica

15.3.6.3. Plasmídeos

15.3.6.3.1. DNA Circular, auto-replicativo e não essencial

15.3.6.3.2. .Pode codificar resistência, patogenicidade, etc.

15.3.6.3.3. Duas subunidades (50S e 30S)

16. Sobrevivência

16.1. Sementes

16.2. Outros materiais de propagação

16.3. Restos de cultura

16.4. Solo

16.5. Em associação com hospedeiros perenes

16.6. Máquinas, embalagens, ferramentas

17. Disseminação

17.1. Água

17.2. Sementes e outros materiais de propagação

17.3. Práticas de cultivo

17.4. Insetos

18. Penetração

18.1. Por aberturas naturais

18.1.1. Estômatos

18.1.2. Hidatódios

18.1.3. Lenticelas

18.2. Por ferimentos

19. Colonização

19.1. Sintomas

19.1.1. Necroses

19.1.2. Podridões-mole

19.1.3. Tumores (Agrobacterium)

19.1.4. Taxionomia

19.1.4.1. Conceitos

19.1.4.1.1. Taxionomia é a ciência do agrupamento de organismos dentro de um relacionamento natural.

19.1.4.2. Principais Gêneros

19.2. Fatores

19.2.1. Ambiente

19.2.2. Planta

19.2.3. Bactéria

20. Manejo

20.1. Legislação Fitosanitária

20.1.1. Quarentenas

20.1.2. Certificação e fiscalização de mudas e sementes

20.1.3. Campanhas de Erradicação

20.2. Práticas Culturais

20.2.1. Escolha da área de plantio

20.2.2. Rotação de culturas

20.2.3. Medidas sanitárias

20.3. Utilização de variedade resistentes

20.4. Controle biológico

20.5. Controle químico

20.5.1. Antibióticos agrícolas

20.5.2. Cúpricos

20.5.3. Cloreto Benzalcônico (Amônio quartenário)

21. Principais gêneros

21.1. Gram Negativa

21.1.1. Agrobacterium

21.1.1.1. Tipicamente habitantes de solos

21.1.1.2. Incitam tumores e proliferação de raízes

21.1.1.3. Produzem pigmentos fluorescentes

21.1.1.4. Agrobacterim tumefaciens, A. rhizogenes e A. vitis

21.1.1.5. Possuem genes de patogenicidade no plasmídeo (Agrobacterim tumefaciens)

21.1.2. Erwinia e Pectobacterium

21.1.2.1. Anaeróbias facultativas

21.1.2.2. Não produz colônias amarela em meio YDC

21.1.3. Pseudomonas

21.1.4. Ralstonia

21.1.4.1. Acumulam poli-b-hidroxibutirato

21.1.4.2. Não utiliza Arginina e Betaína

21.1.5. Xanthomonas

21.1.5.1. Aeróbicas restritas

21.1.5.2. Produtoras de xantomonadinas (amarelo)

21.1.5.3. Não utilizam asparagina

21.2. Gram positivas

21.2.1. Bacillus

21.2.2. Clostridium

21.2.3. Streptomyces

21.2.3.1. Formação de pseudomicelios

21.2.4. Corineformes: Clavibacter e Curtobacterium

21.2.5. Habitantes do solo

21.2.6. Spiroplasma