Get Started. It's Free
or sign up with your email address
CMMI by Mind Map: CMMI

1. Objetivos

1.1. Eliminar inconsitências

1.2. Reduzir duplicações

1.3. Aumentar o Entendimento

1.4. Fornecer terminologia comum

1.5. Prover estilo consistente

1.6. Conformidade com a ISO 15504

1.7. Estabelecer Regras uniformes de Avaliação

2. Representações

2.1. Contínua

2.1.1. Agrupamento de Áreas de Processo por Categoria

2.1.2. Avaliação do Nível da Capacidade por processos individuais

2.2. Por Estágios

2.2.1. Agrupamento de Áreas de Processo por Nível

2.2.2. Avalia nível de maturidade da organização como um todo

3. Componentes do Modelo

3.1. Requeridos

3.1.1. Metas Genéricas

3.1.2. Metas Específicas

3.2. Esperados

3.2.1. Práticas Específicas

3.2.2. Práticas Genéricas

3.3. Informativos

3.3.1. elaboração de práticas genéricas

3.3.2. sub-práticas

3.3.3. Áreas de Processo

3.3.4. produtos de trabalho típicos

3.3.5. Referências

3.3.6. amplificações de disciplinas

4. Níveis de Capacidade

4.1. 0 - Incompleto

4.1.1. Um processo que não está sendo executado ainda, ou está sendo parcialmente executado. Uma ou mais metas específicas da área de processo não são satisfeitas.

4.2. 1 - Executado

4.2.1. Um processo executado é um processo que satisfaz todas as metas específicas de uma área de processo.

4.3. 2 - Gerenciado

4.3.1. Um processo gerenciado é planejado e sua execução é acompanhada através do planejamento inicial

4.4. 3 - Definido

4.4.1. Um processo adaptado a partir do conjunto de processos padrões da organização de acordo com as diretrizes definidas pela organização.

5. Níveis de Maturidade

5.1. 1 - Executado

5.1.1. Processos Executados de forma ad-hoc

5.1.2. Poucos Processos Definidos

5.1.3. Dificil Prever performace

5.1.4. O processo utilizado é uma caixa preta

5.1.5. Dificuldade em determinar progresso do projeto

5.1.6. Requisitos fluem para dentro

5.1.7. Um produto de software é (normalmente) produzido através de algum processo disforme.

5.1.8. O produto flui para fora e (espera-se que) funciona

5.2. 2 - Gerenciado

5.2.1. Gerência de projetos disciplinada

5.2.2. Políticas organizacionais estabelecidas e institucionalizada nos projetos

5.2.3. Planos e processos do projeto são documentados e seguidos

5.2.4. Existência de recursos apropriados

5.2.5. Os status das atividades e dos produtos de trabalho são visíveis

5.2.6. Medidas são coletadas e analisadas para se entender e gerenciar as atividades e resultados do projeto

5.3. 3 - Definido

5.3.1. Processo para desenvolvimento de software é estabelecido, padronizado e documentado pela organização (adaptado quando necessário)

5.3.2. Todos os projetos utilizam uma versão deste processo, personalizada para o tipo do projeto a ser desenvolvido

5.3.3. Atividades de gerenciamento e engenharia de software são estáveis e repetidas (foco na organização )

5.3.4. Funções e responsabilidades no processo são bem entendidas

5.3.5. A produção do produto de software é visível através do processo de software

5.3.6. Papéis, responsabilidades e interação entre atividades são bem entendidos por todos

5.4. 4 - Gerenciado Quantitativamente

5.4.1. O processo de software é previsível e gerenciado quantitativamente (estável)

5.4.2. Métodos estatísticos e quantitativos são utilizados no nível de projetos e da organização

5.4.2.1. Entender os resultados de performance, a qualidade do produto e do serviço de projetos passados

5.4.2.2. Prever a performance e a qualidade do produto e dos serviços de projetos futuros

5.4.3. Base de dados organizacional para coletar e analisar dados dos projetos

5.4.4. Utilização de objetivos quantitativos, para atender as necessidades dos clientes, usuários finais e da organização

5.4.5. Progresso e problemas são medidos

5.4.6. A gerência tem bases objetivas para tomada de decisão

5.5. 5 - Optimizing

5.5.1. Estabelecimento e acompanhamento de objetivos quantitativos para a melhoria de processos

5.5.2. Os processo definidos na organização são alvos das atividades de melhoria

5.5.3. análise é direcionada às causas comuns de variação do processo

5.5.4. Selecionar melhorias e inovações, estimar seus custos e acompanhar os gastos reais, através de medições

6. Considerações

6.1. foi construído sobre a estrutura do CMM

6.2. É mais abrangente, engloba diversas disciplinas em um único modelo

6.3. Pode ser utilizado no desenvolvimento de produtos, serviços e manutenção

6.4. Reune melhores práticas de outros modelos

6.5. Avaliação tem validade de 3 anos

7. Etapas para adoção

7.1. Diagnóstico inicial

7.2. Definição do plano de ação de melhoria de processos

7.3. Definição dos processos de acordo com o modelo

7.4. Institucionalização dos processos

7.5. Mini Avaliação

7.6. Ajustes nos processos

7.7. Avaliação oficial