Análise do ECG pediátrico normal

Plan your projects and define important tasks and actions

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
Análise do ECG pediátrico normal by Mind Map: Análise do ECG pediátrico normal

1. Análise do ritmo cardíaco

1.1. Regular

1.2. Irregular - Arritmia sinusal respiratória

1.3. Sinusal - onda p positiva em D1, D2 e avF.

2. Avaliação do QRS

2.1. Duração normal de 0,05 a 0,11s

2.2. Onda R em V1 e V2 é normal em crianças nos primeiros meses de idade

2.3. Onda S em V1 e V2 padrão normal

2.4. Onda R em V5 e V6 padrão normal até 25mm. Acima disso sugere sobrecarga ventricular esquerda

2.5. Onda S em V5 e V6 sugere sobrecarga ventricular direita

2.6. Padrão RSr' em V1 sugere Bloqueio de ramo direito e/ou sobrecarga de volume do ventrículo direito

3. Análise da FC

3.1. Divida 1500 pelo número de pequenos quadradinhos

3.2. Ou divida 300 pelo número de quadrados grandes

3.3. Se o ritmo for irregular, divida 4500 pelo total de pequenos quadradinhos em 3 ciclos cardíacos.

4. Calcular o intervalo QT

4.1. Conte o número de pequenos quadradinhos do início do QRS ao final da onda T em D2.

4.2. Divida o valor medido pela raiz quadrada do intervalo RR precedente, em segundos.

4.3. QTc longo se maior que 440ms ou 0,44s

5. Avaliação da onda P

5.1. Avaliar amplitude e duração da onda P.

5.2. Cada pequeno quadradinho mede 1mm e 0,04s

5.3. Amplitude normal até 2,5mm. Acima de 2,5mm sugere sobrecarga atrial direita

5.4. Duração normal até 0,09s. Acima de 009s sugere sobrecarga atrial esquerda

6. Calcular o eixo do QRS

6.1. Eixo normal entre -30 e +90 graus, ou seja, no quadrante inferior esquerdo

6.2. QRS positivo em D1 e avF

6.3. Observe a amplitude do QRS nessas 2 derivações

6.3.1. se semelhantes = +45 graus

6.3.2. se avF maior amplitude, mais próximo de +90 graus

6.3.3. se D1 maior amplitude, mais próximo de 0 grau.

7. Calcular o intervalo PR

7.1. Conte o número de pequenos quadradinhos entre o início de P e o início do QRS em D2.

7.2. Cada pequeno quadradinho tem 0,04 segundos ou 40 milisegundos

7.3. Intervalo PR normal de 0,09 a 0,20s ou de 90 a 200ms.

7.4. Abaixo de 0,09 temos o PR curto e acima de 0,20s temos o PR longo.

8. Avaliação da onda T

8.1. Representa a repolarização ventricular

8.2. Sua amplitude tem pouco significado clínico

8.3. Em crianças, pode ser negativa em V1, V2 e V3, e por vezes até em V4

9. Avaliação do segmento ST

9.1. Faz parte da repolarização ventricular.

9.2. Infradesnível normal até 1mm.

10. Conclusão

10.1. Ritmo sinusal, regular

10.2. FC 68bpm

10.3. Eixo QRS + 50 graus

10.4. PR 120ms

10.5. QTc 413ms

10.6. Sem sinais de sobrecarga atrial ou ventricular

10.7. Sem sinais de alteração da repolarização

10.8. Exame normal