Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
Biomassa by Mind Map: Biomassa

1. O que é?

1.1. Energia gerada pela decomposição de materiais orgânicos

1.1.1. Esterco

1.1.2. Restos de alimentos

1.1.3. Lenha

1.1.4. Resíduos urbanos e industriais

1.1.5. Produtos agrícolas

2. Transformar Biomassa em energia

2.1. Pirólise ou carbonização

2.1.1. Mais antigo e simples dos processos

2.1.1.1. Consiste no aquecimento do material original entre 300 oC e 500 o C, na “quase ausência” de ar, até a extração do material volátil.

2.1.1.1.1. Produto: carvão vegetal, alcatrão e ácido pirolenhoso.

2.2. Gasificação

2.2.1. Reações termoquímicas que envolvem vapor quente e oxigênio

2.2.1.1. Transforma o combustível sólido em gás

2.2.1.1.1. É possível dele remover os componentes químicos que prejudicam o meio ambiente e a saúde humana

2.3. Fermentação

2.3.1. Açúcares de plantas são convertidos em álcool pela ação de microrganismos

2.3.1.1. Produto: etanol na forma de álcool hidratado, em menor escala o álcool anidro

2.3.1.1.1. Álcool hidratado: usado como combustível puro em motores de combustão interna

2.4. Digestão anaeróbica

2.4.1. Decomposição do material pela ação de bactérias e ocorre na ausência do ar

2.4.1.1. Produto: biogás

2.5. Transesterificação

2.5.1. Reação de óleos vegetais com um produto intermediário ativo obtido pela reação entre metanol ou etanol e uma base

2.5.1.1. biodiesel é produzido no Brasil a partir da palma e babaçu (região Norte), soja, girassol e amendoim (regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste) e mamona (semi-árido nordestino), entre outras matérias-primas de origem vegetal.

2.6. Combustão

2.6.1. Um dos processos mais comuns e sua eficiência energética situa-se na faixa de 20 a 25%

2.6.1.1. Queima da biomassa é realizada a altas temperaturas na presença abundante de oxigênio, produzindo vapor a alta pressão

2.6.1.1.1. O vapor é usado em caldeiras ou para mover turbinas

2.7. Co-combustão

2.7.1. Substituição de parte do carvão mineral utilizado em urnas termoeléctricas por biomassa.

2.7.1.1. Redução significativamente a emissão de poluentes

3. Vantagens

3.1. Baixo custo de aquisição

3.2. Não emite dióxido de enxofre

3.3. Menor corrosão dos equipamentos

3.4. Menor risco ambiental

3.5. Emissões não contribuem para o efeito estufa

3.6. Facilidade de extração energética e aplicação em diversos setores

3.7. Reaproveita os resíduos antes descartados

3.8. As cinzas são menos agressivas ao meio ambiente que as provenientes de combustíveis fósseis

3.9. Geração de empregos diretos e indireto

4. Desvantagens

4.1. Menor poder calorífico

4.2. Dificuldades no estoque e armazenamento

4.3. Interferência no tipo natural do solo e a possibilidade da formação de monoculturas em grande extensão de terras– o que competiria com a produção de alimentos.

4.4. Maior possibilidade de geração de material particulado para a atmosfera. Isto significa maior custo de investimento para a caldeira e os equipamentos para remoção de material particulado;

5. Tradicionalmente é associada ao desmatamento

5.1. florestas energéticas podem ser cultivadas exclusivamente com a finalidade de produzir lenha, carvão vegetal, briquetes e licor negro para uso industrial

6. É uma das fontes para produção de energia com maior potencial de crescimento nos próximos anos

6.1. Considerada uma das principais alternativas para a diversificação da matriz energética

6.1.1. Redução da dependência dos combustíveis fósseis